TRÊS LAGOAS-MS
  Últimas
IPTU – Departamento de Administração Tributária de TL informa população sobre vencimento de parcela e isenção
Polícia Militar prende três pessoas por dirigirem embriagadas em Aquidauana
Polícia Militar no Vale do Ivinhema aborda mais de 800 pessoas, cumpre mandados de prisões e conduz 18 pessoas para a delegacia em ações do final de semana
Neste final de semana, Polícia Militar prende 5 pessoas por tráfico de drogas na região do 7º BPM
Polícia Militar de Fatima do Sul prende motociclista por direção perigosa de veículo na via publica.
Em Fatima do Sul, Polícia Militar prende autor de violência doméstica.
Publicados editais relacionados à Seleção de profissionais para Residências Inclusivas do SUAS
Funtrab/MS oferta quase 2 mil vagas nesta segunda-feira
Editais relacionados à seleção de Gestor de Atividades Educacionais são publicados
Combate ao coronavírus: Crianças falam de esperança na 8ª edição do informativo
Associação dos Agentes Ambientais do Taquari pode ser declarada de utilidade pública
Após denúncias, Polícia Militar prende dois homens por furto de combustível em Batayporã
DE OLHO NO CORONAVÍRUS – Auxílio da Polícia Militar é solicitado em razão de 2 grandes aglomerações em conveniências de Três Lagoas
Suavidade da MPB e música erudita envolvem o público no Som da Concha deste domingo
Edenilson marca nos acréscimos e Inter vence o Fortaleza no Beira-Rio
PALMEIRAS supera a Chape fora de casa.
Casal que seguia para São Paulo com mais de 60 quilos de maconha foi preso pelo DOF durante a Operação Hórus
Polícia Militar prende jovem por descumprimento de medida protetiva e ameaça contra a ex-mulher em Bataguassu.
PRF apreende 23 Kg de cloridrato de cocaína em Nova Alvorada do Sul (MS)
Mato Grosso do Sul recebe mais 277.330 doses de vacina contra a Covid-19
Líder vence no Mineirão
Com gols de Rigoni e Luciano, Tricolor vence o Atlético-GO pelo Brasileirão
Na estreia de Wiliam, timão empata em cada contra America-Mg
Série A: Ceará batalha pela vitória, mas fica no empate sem gols com o Santos
Flamengo é derrotado pelo Grêmio por 1 a 0, no Maracanã, na 21ª rodada do Brasileirão
Polícia Militar prende autor de Furto em supermercado de Três Lagoas.
Setembro Amarelo: Vida Saudável fala sobre prevenção ao suicídio
Previsão do Tempo: Semana será de altas temperaturas e baixa umidade relativa do ar
OCOP – Polícia Militar zera fila de atendimento 190 e finaliza operação desarticulando festa clandestina com mais de 2mil pessoas na madrugada desse domingo em Dourados
Núcleo de Pesquisa em Quadrinhos da UEMS é finalista no ‘Oscar’ das HQs
Next
Prev

PET

Em Três Lagoas| Vamos ajudar professora a encontrar o Gatinho Raminho que sumiu no Jardim Brasília

Publicado

Conforme a professora Priscila, seu gatinho Raminho sumiu no dia 21 de abril, no bairro Jardim Brasília na rua da Funilaria Bonanza próximo antiga linha do trem em Três Lagoas.

O gato um dia antes de sumir perdeu a coleira, Raminho tem problema de rins e precisa de alimento especial. É um gato que foi adotado há um ano, ainda filhote. Foi pego na rua, com a costelinha quebrada e machucado, e recebeu todos os cuidados e carinho.

Quem souber ou encontrar o gatinho, entrar em contato no fone 67 99190 8152, será recompensado.

Comentários Facebook

PET

Cuidados e recuperação de animais silvestres por meio da homeopatia veterinária são temas de live no dia 27

Publicado

Promovida pela Sigo Homeopatia, iniciativa contará com participação de especialistas e apresentação de cases de sucesso

Com foco na cura de forma global, tratando não apenas os sintomas, mas as causas, a homeopatia é uma ciência que busca o equilíbrio orgânico do indivíduo. A terapêutica respeitada no tratamento de humanos, ganha cada dia mais espaço na Medicina Veterinária e apresenta resultados positivos também entre os animais silvestres.

Para debater o tema, com apresentação de cases de sucesso, ocorre no próximo dia 27 de maio, às 19 horas, a live “A Homeopatia no cuidado dos Animais Silvestres”, realizada pela Sigo Homeopatia Veterinária.

Mediada pela médica veterinária e responsável técnica pela marca, a iniciativa conta com as participações do médico veterinário do CRAS/Imasul (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres), Diogo Borges de Arruda e da médica veterinária, especialista e mestre em homeopatia, doutora em Ciências da área de Epidemiologia aplicada a Zoonoses – USP e Pós-Doc (PHD) em Patologia Ambiental Experimental, Professora Dra. Cidéli Paula Coelho.

Os três participantes da live contam com ampla experiência no trato de animais silvestres. A Profa.Dra. Cidéli Paula Coelho atua há mais de 20 anos na área de Silvestres, Etologia e Bem-Estar Animal.

O médico veterinário Diogo Borges de Arruda, além do trato diário de animais silvestres, onde atualmente lida com cerca de 200 animais silvestres de espécies variadas, vítimas de desastres ou maus-tratos, atuou nas queimadas que atingiram a Serra do Amolar, região do Pantanal, que em 2020, registrou uma das maiores queimadas de sua história, devastando cerca de 4 milhões de hectares da maior área alagada do planeta, afetando diretamente na fauna do cerrado.

Mônica de Souza, foi presidente da AMVHB (Associação Médico Veterinária Homeopática Brasileira) e há quase 20 anos é responsável técnica pela Sigo Homeopatia Veterinária, empresa dedicada ao tratamento e prevenção de doenças em animais, tanto pets, quanto de campo, por meio da homeopatia.

“Convidamos especialistas na área, para conversar e comprovar o quanto a homeopatia é eficaz e grande aliada no trato dos animais silvestres, colaborando para a recuperação destes, que muitas vezes estão ameaçados de extinção e sofrem tanto por catástrofes da natureza, quanto pela ação do homem”, destaca Dra. Mônica de Souza.

Cases de Sucesso

Há oito meses, a Sigo Homeopatia Veterinária e o Cras firmaram parceria, onde a empresa fornece medicamentos e orientação homeopática ao centro de reabilitação. Em pouco tempo de tratamento, as aves, tratadas exclusivamente com homeopatia, registram queda de 40% na mortalidade. Outros dois casos são da anta Antônio e da arara Frango. Antônio é uma anta macho encontrada ainda filhote perdido em uma fazenda. Frágil e debilitado, o animal recebeu tratamento homeopático para ganho de peso, problemas nas patas e pêlos e em poucos meses de tratamento já está completamente recuperado.

Já a arara Frango, é uma ave da espécie Canindé, resgatada completamente sem penas e muito fragilizada, com o tratamento homeopático, em seis meses ela recuperou as penas e a saúde.

Homeopatia Ambiental

A homeopatia também pode ser aplicada nas nascentes de água, resultando no tratamento ambiental, como no caso da Serra da Cantareira, em São Paulo, onde em 2018, um surto de febre-amarela se disseminou entre macacos bugios, espalhando pânico entre os moradores.

Por meio do grupo de voluntários Sonho de Bugio, a Sigo Homeopatia desenvolveu uma fórmula sem resíduos ambientais para aplicação nas nascentes, o que resultou na possibilidade de tratar animais silvestres no seu habitat sem necessidade de captura. Toda a fauna da região foi tratada via água e, em pouco tempo, não houve mais registro de casos da doença infecciosa na região.

“O ambiente ficou tratado como um todo através da água, que permeou todo o sistema e assim, conteve o surto da doença nos animais silvestres”, relata a Dra. Mônica Souza.

Essa experiência criou o conceito da homeopatia ambiental e se tornou case de sucesso que inspirou trabalho apresentado na Water Conference, ocorrido na Bulgária em 2019, em Londres.

Estes e outros cases de sucesso serão apresentados na live:

“A Homeopatia no cuidado dos Animais Silvestres”

Data: 27 de maio de 2021 (quinta-feira) – 19h

Transmissão pelo Instagram: @sigohomeopatia

Fotos: Animais atendidos pelo Centro de Reabilitação de Animais Silvestres de MS

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso do Sul

Lei institui Dia dos Protetores dos Animais em Mato Grosso do Sul

Publicado

por


Dezessete de janeiro passa a ser, em Mato Grosso do Sul, Dia dos Protetores dos Animais. A instituição da data foi aprovada pela Assembleia Legislativa e sancionada pelo governador Reinaldo Azambuja.

Com a publicação da Lei nº 5.666 nesta terça-feira (25), o Dia do Protetores dos Animais começa a integrar o Calendário Oficial de Eventos do Estado e será dedicado à realização de eventos culturais e educativos que debatam o tema e instruam a população sobre os cuidados e proteção à fauna.

A iniciativa da proposta é do deputado estadual Felipe Orro e a Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) manifestou-se favorável ao projeto.

A data foi escolhida porque 17 de janeiro é o Dia de Santo Antão, considerado protetor dos animais domésticos.  “Protetores de animais desempenham gratuitamente e extensivamente funções em prol da proteção dos animais, muitas vezes doando mais do que o seu tempo e os seus recursos nestas tarefas. Depositam sua alma neste trabalho desenvolvido em nossas cidades. Atitudes tão nobres em favor dos indefesos devem ser reconhecidas. Sem os trabalhos destes heróis invisíveis provavelmente teríamos inúmeros problemas de saúde pública e de infraestrutura sanitária”, justificou Fernandes.

Confira a Lei nº 5.666 na página 2 do Diário Oficial do Estado.

Paulo Fernandes, Subcom 

Foto: Saul Schramm

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana