TRÊS LAGOAS MS
  Últimas
Chapecoense vence Sampaio Corrêa na Arena Condá
Brusque-SC supera o Operário_PR pela seria B
Com apoio da nação azul ,Cruzeiro vence mais uma no Mineirão
Separados por um ponto, Santos e Flamengo duelam pelo Brasileiro
Em dia de comemoração, Bioparque Pantanal e Corpo de Bombeiros celebram parcerias
Com 100% dos internos ocupados, sobram vagas em convênios de trabalho na Colônia Penal de Três Lagoas
Mato Grosso do Sul recebe Centro-Oeste de Vôlei de Praia neste final de semana
‘Esquenta UEMS’ reúne acadêmicos em competições esportivas neste sábado (02/07)
Sábado tem leve aumento de temperatura no Estado, com máxima de 34°C na região Norte
Fundação de Cultura seleciona artesãos e entidades do artesanato para participar da 4º Feira Nacional em Fortaleza
Polícia Militar divulga resultados do policiamento realizado na área do 11º BPM, entre 20 e 30 de junho
Militares de Coxim são condecorados com Medalha Dom Pedro II
Governo autoriza concurso para PMMS
8ªCIPM: Polícia Militar apreende produtos de contrabando e descaminho
Comandante da 10ªCIPM recebe visita de moradores do bairro Coophavila e liderança comunitária do bairro São Conrado
Polícia Militar de Jardim-MS apreende Arma de Fogo durante abordagem à veículo em Guia Lopes da Laguna-MS
Carga de descaminho é apreendida pela Polícia Militar Rodoviária, na MS 164, em Maracaju
Direto ao Assunto: Lucas de Lima fala do “Julho sem Plástico”
Liga das Nações: brasileiras batem Bulgária e assumem vice-liderança
SMS promove capacitação para profissionais da saúde para atendimento de ocorrências de acidentes com animais peçonhentos
Polícia Militar apreende 3,7 kg de cocaína e prende uma mulher por tráfico de drogas em Anastácio
Municipalista, ALEMS participa de entrega de maquinários no valor de R$ 40 milhões
Estão abertas as inscrições para o Campeonato Municipal de Futsal Feminino em Três Lagoas
Curso vai qualificar e aprimorar secretarias domésticas e diaristas para o mercado de trabalho
Motivação: como a trilha do fim de semana se tornou um negócio
SEMEC realiza Terceira Audiência Pública de Avaliação e Monitoramento do Plano Municipal de Educação
Polícia Militar encaminha dois homens por contrabando, descaminho e porte de drogas no município de Sidrolândia
8ªCIPM: Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar socorrem casal de idosos que se envolveram em acidente na MS-162
8ªCIPM: Polícia Militar apreende menor infrator por receptação
Em Paranaíba, Polícia Militar realiza o patrulhamento rural nas regiões do Alto Santana, Alto Tamandaré e no Assentamento Serra
Next
Prev

Esportes

Juliana dos Santos acelera no fim, bate as rivais e é ouro nos 5.000m

Publicado

A arrancada de Juliana dos Santos não surpreendeu apenas o estádio. Ao ser a primeira a cruzar a linha de chegada, nem a própria atleta parecia acreditar. A euforia ficou ainda mais visível no abraço apertado que deu em seu técnico, Adauto Domingues. Durante a disputa, encarou rivais com ritmo forte e soube controlar.

De forma tática e bem pensada, atacou somente nos últimos 600m. Passou uma rival de cada fez e chegou ao ouro nos 5.000m no Pan de Toronto.  O tempo de 15m45s97 é o seu melhor na carreira. Brenda Flores, do México, ficou com a prata, com 15m47s19. Kellyn Taylor, dos Estados Unidos, completou o pódio.

O trajeto de Juliana até o topo do pódio foi maior que os 5.000m percorridos no Canadá. Esposa do maratonista Marílson dos Santos, foi ouro nos 1.500m dos Jogos do Rio, em 2007. Na edição seguinte, em Guadalajara, ficou fora por conta do nascimento do primeiro filho do casal, Miguel.

De volta à competição, conquistou o ouro em Toronto em uma prova na qual ainda tenta se adaptar. Para se ter uma ideia, essa foi apenas a segunda prova oficial da corredora na nova distância. Mas ela ainda não decidiu qual prova tentará competir nos Jogos Olímpicos de 2016.

– Foi a melhor prova da minha vida! Não estou nem acreditando ainda! Era uma prova muito forte. Olhei para os tempos, mas disse que ia correr. Até onde eu aguentar. Falei que não ia desistir. Quando eu me vi em terceiro lugar, sem saber se estava perto, o telão não mostrava, ia junto com essa menina (mexicana), para tentar pegar o primeiro lugar. Eu ainda não sei correr os 5.000m direito. Que continue assim, né? – brincou.

A disputa do Pan de Toronto foi mais que um testo de resistência e velocidade. Juliana teve que segurar o próprio coração. Voltar a ser atleta depois de ser mãe não foi uma decisão fácil e só aconteceu por conta de todo o incentivo de seu marido. Juliana ressaltou as dificuldades que enfrentou até o ouro em Toronto. Marílson, por sua vez, sofreu uma lesão e não pôde competir no Canadá.

– Ser mãe e voltar a ser atleta nesse nível… E eu não sou só atleta, eu sou esposa de um atleta também. De alto nível. Nós temos matado vários leões em casa para conseguirmos continuar bem nas competições e sem deixar o nosso filho. Queremos viver as coisas dele também, é uma coisa que não vai voltar. Falamos que vamos ser bons atletas, mas que vamos ser bons pais também – disse.

No lançamento de dardo, outra medalha para o Brasil. Com uma bela prova, Jucilene Lima marcou 60,42m e ficou com o bronze. A canadense Elizabeth Gleadle levou o ouro, com 62,83, enquanto a americana Kara Winger ficou com a prata, com 61,44m. Após a competição a atleta brasileira ficou muito emocionada e chorou ao dar entrevistas.

– A gente imaginar. Mas as adversárias são boas. Pensei que, se estou aqui, é porque também sou boa. Tenho essa capacidade. Pedi tanto a Deus uma medalha. Estou muito feliz. Vento contra atrapalha um pouco. Mas eu estou satisfeita com meu resultado de hoje – disse a atleta, que também disputará o Mundial de Atletismo de Pequim, em agosto.

Nas eliminatórias dos 100m, outras brasileiras conseguiram bons resultados. Ana Cláudia Lemos avançou com o segundo melhor tempo para a semifinal. O tempo de 10s96, no entanto, não pôde ser ratificado como recorde sul-americano por conta do vento acima do permitido (+4km). Em outra bateria, Rosângela Santos também obteve a classificação com 11s08.

Entre homens, no entanto, os resultados não foram positivos nesta manhã. Atual campeão brasileiro dos 100m, Vitor Hugo dos Santos acabou cometendo um erro na saída do bloco e ficou apenas em sexto da bateria, sem classificação e com o tempo de 10s31.

José Carlos Moreira, o Codó, foi desclassificado após queimar a largada. No salto com vara masculino, Thiago Braz foi eliminado sem acertar nenhum salto.

Comentários Facebook

Esportes

Chapecoense vence Sampaio Corrêa na Arena Condá

Publicado

por

A Chapecoense entrou em campo na noite desta sexta-feira (1), na Arena Condá, para enfrentar o Sampaio Corrêa em partida válida pela 16ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. No duelo contra a equipe de São Luís, a Chapecoense venceu a primeira diante do seu torcedor na Arena Condá, anotando três gols na segunda etapa e decretando o placar final em 3 a 1. Os tentos alviverdes foram marcados por Lucas Hipólito (gol contra), Lima e Marcelo Santos, enquanto o adversário diminuiu com Ygor Catatau.

A partida:

Empurrada pela torcida, a Chapecoense finalizou pela primeira vez aos dois minutos iniciais de jogo, quando Tiago Real acionou Orejuela no ataque. O camisa 13 invadiu a grande área e chutou no contrapé para defesa do goleiro adversário. Minutos depois, aos seis, Fernando subiu em velocidade pelo lado esquerdo e realizou cruzamento na área buscando Tiago Real. O meio campista se esticou, mas não alcançou a bola, que parou nas mãos do goleiro Gabriel. Pressionando a equipe visitante, o Verdão finalizou a primeira etapa com novo lance de perigo, aos 41, Em bate e rebate dentro da área, Victor Ramos dominou no peito e a bola sobrou para Tiago Real, que arriscou de primeira, mas a bola passou por cima do gol.

No segundo tempo, não demorou para o Verdão abrir o marcador, ainda no minuto inicial da etapa complementar Tiago Real acionou Orejuela em profundidade, o camisa 13 cruzou na área e Lucas Hipólito, tentando afastar o perigo, mandou a bola contra o próprio gol, anotando 1 a 0 para a Chapecoense. Mesmo a frente no placar, o Verdão buscou ampliar a vantagem. Infiltrando a linha de marcação e aparecendo como elemento surpresa na área, Matheus Bianqui carimbou o travessão em lance de perigo aos 19. Mas a bola só balançou as redes novamente aos 35, quando Lima, Cria do Condá, fez uma pintura de fora da área e deixou 2 a 0 para o Verdão.

A resposta da equipe visitante surgiu aos 39, quando Ygor Catatau diminuiu a vantagem alviverde, assinalando 2 a 1 no placar. Se mantendo aguerrida e apoiada pelo torcedor, a Chapecoense saiu para o ataque e, aos 50, no último minuto de jogo, Marcelo Santos recebeu na intermediária de ataque, limpou a marcação e chutou firme, em gol que decretou o marcador final de 3 a 1! Com o resultado, o Verdão abre a 16ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro com vitória na Arena Condá e se afasta da zona de rebaixamento.

Próximo jogo: 

A Chapecoense entra em campo novamente na terça-feira (05), às 19h, para confronto diante do Londrina, em jogo atrasado, válido pela 10ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

fonte: https://chapecoense.com/pt/noticia/chapecoense-vence-sampaio-correa-na-arena-conda

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Brusque-SC supera o Operário_PR pela seria B

Publicado

por

Brusque-SC venceu o Operário-PR por 2 a 0, no estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC), na noite desta sexta-feira (1º), pela 16ª rodada do Brasileirão SportingBet Série B. Com o triunfo, o Marreco subiu na tabela e aparece em sétimo lugar, com 20 pontos. Fantasma ocupa a 11ª colocação, com 19 pontos.

+Confira a tabela da Série B!

O jogo

O Brusque foi para cima aos dez minutos do primeiro tempo. Fernandinho chutou colocado e Vanderlei defendeu. No rebote, Cristian parou em outra boa defesa do goleiro do Operário. O vistante tentou responder aos 23 minutos, em chute de Rina, que Jordan defendeu. Antes do intervalo, aos 44, Wagner Balotelli abriu o placar para o Marreco após receber passe de Fernandinho na área.

No segundo tempo, o Brusque fez mais um aos 18 minutos. Wallace Reis aproveitou cobrança de escanteio de Airton e chutou firme para balançar as redes. O Fantasma quase marcou aos 29 minutos, quando Ricardinho chutou de fora da área e carimbou o travessão. Aos 40, Matheus Trindade chutou da entrada da área na tentativa de fazer o terceiro dos mandantes e Vanderlei defendeu.

fonte: https://www.cbf.com.br/futebol-brasileiro/competicoes/campeonato-brasileiro-serie-b/2022/154

COMENTE ABAIXO:

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana