TRÊS LAGOAS MS
  Últimas
Velocista Melânia Luz ingressa no Hall da Fama do COB
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande captura jiboia de mais de 1 metro em residência
Rayssa Leal e Pâmela Rosa encerram Pro Tour fora do pódio
Duda Sampaio e Natascha defenderão Brasil na Copa América Feminina
Vasco e Sport empatam em Maracanã lotado
Diante do Atlético-GO, São Paulo volta a vencer no Brasileiro
Polícia Militar realiza formatura do Proerd Kids no Município de Anaurilândia.
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande captura tamanduá-bandeira passeando pelas ruas do bairro Caiobá
Brasileiros perdem nas duplas e país está fora de Wimbledon
Série B: Ponte Preta e Tombense ficam no 0 a 0 em Campinas
Cuiabá derrota o Avaí em Florianópolis e deixa o Z4
PMA do Grupamento de Águas do Miranda fiscaliza 14 embarcações e 57 pescadores, orientam turistas e apreendem petrechos ilegais de pesca
PMA e UCDB entregam amanhã (4) às 14h00 para o Biobarque Pantanal, onça-pintada, arara e filhote de anta taxidermizados para uso em Educação Ambiental
Polícia Militar 9°CIPM/CPA1 impede Estelionato contra idosa em Dourados
Polícia Militar de Caarapó da 9ªCIPM/CPA-1 recupera produtos de furto e prende autor
Em dois meses, 27 países fincaram suas bandeiras no Bioparque Pantanal
Primeiro pagamento por serviços ambientais motiva setores produtivos de Bonito e Jardim
Rayssa Leal e Pâmela Rosa disputam final do Pro Tour de skate street
Em um Maracanã lotado, Vasco recebe o Sport pela Série B
Palestra e oficina interativa no MIS buscam discutir o saber-fazer Guarani e Kaiowá
Reeducandos do Centro Penal da Gameleira trabalham na reforma da Unei Dom Bosco
Domingo segue com previsão de tempo estável, com máxima de até 35°C no Estado
Com assinatura de convênios, produtores já podem receber 1ª parcela do PSA de Jardim e Bonito
Big Data: Fundtur MS e Sistema Comércio criam plataforma de inteligência turística
Dourados: projetos da Coronel Ponciano e do terminal de passageiros avançam
Athletico-PR bate Palmeiras fora de casa e assume vice-liderança
Gabriel decide e Flamengo derrota Santos na Vila Belmiro
Com time alternativo, Atlético-MG derrota Juventude por 2 a 1
Brasileiro: Fluminense goleia Corinthians e dá salto na classificação
Polícia Militar Rodoviária apreende carga de maconha, na MS 164, em Maracaju
Next
Prev

Trânsito

Aumento nos combustíveis pode diminuir número de veículos circulando

Publicado

São Paulo_Pixabay

Especialistas dão dicas de economia para quem precisa manter o uso diário de veículos

 

Curitiba, maio de 2022 – A UDOP – União Nacional da Bioenergia avalia que o reajuste promovido em março pela Petrobras nas refinarias, de 18,8% na gasolina e 24,9% no diesel, provocou um “efeito cascata” nos valores de vários serviços. As tarifas de viagens por aplicativos subiram cerca de 6%; as entregas de encomendas (delivery), até 50%; e as passagens aéreas, entre 32% (internacionais) e 62% (nacionais). Além disso, as empresas de transporte público reivindicam aumentos de cerca de 20%. O impacto já vem sendo sentido pelos condutores em todo o Brasil.

            Depois do esvaziamento das ruas durante a pandemia, recentemente a cidade de São Paulo começou a ver o número de carros circulando aumentar. Segundo o portal Mobilidade Sampa, o trânsito na capital já recuperou 73% do fluxo, comparando os meses de março de 2019 e de 2022. Porém, o portal também destaca que com a alta dos preços dos combustíveis é possível perceber a escassez de carros por aplicativos, o que impacta diretamente na circulação.

            Uma pesquisa realizada pela Exame/IDEIA, publicada em março, mostrou que 83% dos brasileiros diminuíram o uso do carro por causa do aumento dos combustíveis. Conforme o levantamento, quanto menor a renda, maior o ajuste na maneira de se locomover para driblar a alta. Entre os que ganham até um salário mínimo, 92% diminuíram o uso do carro ou da moto; nos casos com renda superior a cinco salários mínimos este número é de 74%.

Como economizar mesmo utilizando veículos no dia a dia

            Os brasileiros estão em busca de qualquer solução para economizar e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) dá algumas dicas práticas para a direção e manutenção do veículo que podem melhorar a eficiência no consumo de combustível. A primeira orientação é nunca colocar a quinta marcha numa velocidade menor do que 60Km/h. O instrutor do curso de Mecânica Automotiva na unidade de Campo Grande (MS), Iwan Garcia, orienta que, se for possível, o ideal é escolher um carro 1.0 para andar na cidade. “Carros com motor 1.0 são mais econômicos na cidade, onde não é possível usar velocidades muito altas”, diz. “É mais difícil manter uma velocidade constante dentro da cidade, porque há semáforos, quebra-molas e ruas preferenciais, mas aqueles que arrancam o carro com tudo para frear logo em seguida, realmente costumam gastar mais gasolina”, explica.

            Segundo o especialista, diferente do que a maioria imagina, vidros abertos ou ar condicionado ligado gastam combustível da mesma forma, por isso, o condutor deve optar pelo que achar mais confortável. Além disso, segundo Garcia, é preciso fazer a manutenção regular do carro. “Trocar as velas de ignição a cada 20 mil km, o filtro de ar e o combustível do motor a cada 15 mil km e manter a limpeza dos bicos injetores são boas formas de economizar”.

            O último conselho é dar atenção aos pneus. Conforme a Agência de Informações em Energia dos Estados Unidos (Energy.gov), a eficiência dos pneus poderia economizar, aproximadamente, 800 mil barris de petróleo por dia/mundo. A orientação é verificar a pressão dos pneus ao menos uma vez por mês, e manter as rodas alinhadas.

            Uma medida que auxilia não só na economia de combustível, mas com a segurança viária, é manter distância do carro à frente, visando antecipar as manobras e acompanhar o fluxo do trânsito. “Isso evita acelerações e freadas desnecessárias, que acabam gastando combustível, e é bem mais seguro para todos. Além disso, não espere para frear no último minuto, isso só te faz perder dinheiro e a estabilidade do volante”, completa Luiz Gustavo Campos, diretor e especialista em trânsito da Perkons

Comentários Facebook

Trânsito

Chuva e neblina podem comprometer a segurança no trânsito

Publicado

A visibilidade fica mais prejudicada sob chuva forte e em determinados períodos do dia

Curitiba, junho de 2022 – Durante os dias de chuva ou de neblina os condutores precisam tomar alguns cuidados extras que garantem o ir e voltar em segurança pelas ruas e via do país. Antes de sair de casa é possível verificar, em tempo real, as condições do clima no Instituto Nacional de Meteorologia, conferindo as métricas de chuva para cada Estado.

            Em dias de chuva, pista molhada e redução de visibilidade aumentam os riscos de acidentes. Principalmente durante as primeiras chuvas, a água e o acúmulo de sujeira e óleo no asfalto o tornam escorregadio, causando deslizamentos em casos de mudança de faixa e freadas bruscas. Segundo as orientações do Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF), o condutor deve observar com prudência e aumentar a distância do veículo da frente, usar ar-condicionado ou abrir um pouco os vidros, para evitar o embaçamento dos vidros e melhorar a visibilidade. Reduzir a velocidade e redobrar a atenção são dicas preciosas e válidas sempre.

            A neblina também é um elemento perigoso. Conforme a Federação dos Caminhoneiros Autônomos do Rio Grande do Sul (Fecam-RS), no inverno aumenta a incidência de neblina e cerração, principalmente durante a madrugada e pela manhã. Em alguns pontos o tempo demora a ficar completamente limpo. Portanto, intensifique a atenção e a cautela na direção. Sob neblina ou cerração, acenda a luz baixa do farol (e o farol de neblina, se houver), reduza a velocidade, aumente a distância do veículo a sua frente e não pare no acostamento.

            Para aumentar a segurança e evitar acidentes, Luiz Gustavo Campos, diretor e especialista em trânsito da Perkons, recomenda ainda que se faça uma revisão dos pneus, freios, limpadores de para-brisas e faróis. “Toda a parte elétrica do veículo também deve ser constantemente verificada, já que fusíveis e lâmpadas queimam com certa facilidade. Para ter melhor visibilidade, use o ar-condicionado e o desembaçador elétrico traseiro ou abra um pouco os vidros para deixar o ar circular pelo carro. Além disso, reduza a velocidade e mantenha maior distância do veículo da frente. Todo esse conjunto de ações é muito importante para um deslocamento mais seguro no trânsito”, completa.

Comentários Facebook
Continue lendo

Trânsito

Homem morre atropelado enquanto empurrava carro estragado para fora de rodovia em MS

Publicado

Cicero Barros Pires, de 54 anos, morreu nesse domingo (26) após ter sido atropelado na BR 267, próximo a Rio Brilhante, 150 km de Campo Grande. A vítima empurrava o carro estragado para fora da estrada quando foi atingido por outro veículo.

De acordo com o boletim de ocorrência, Cicero estava acompanhado da esposa e enteada quando o carro quebrou, momento que a vítima decidiu sair do veículo e empurrar o carro para fora da rodovia.

Após o acidente, o Corpo de Bombeiros foi acionado e constatou a morte da vítima ainda no local. O outro motorista, de 19 anos, foi socorrido e levado para o Hospital de Rio Brilhante com ferimentos em um dos braços.

O jovem passou pelo teste de alcoolemia, que deu negativo. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a perícia também estiveram no local e o caso segue sendo investigado como homicídio culposo na direção do veículo automotor.

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana