TRÊS LAGOAS-MS
  Últimas
Com lotes a partir de R$ 200, SAD fará leilão de 38 lotes de veículos e sucatas de veículos em julho
Canoístas de MS disputam Campeonato Brasileiro de Descida Sprint e buscam vaga ao Mundial
UEMS está com inscrições abertas para bolsas de iniciação científica no valor de R$ 400
Às vésperas do inverno, Mato Grosso do Sul registra grande contraste nas temperaturas 
Servidores Estaduais têm descontos exclusivos nos serviços oferecidos pelo SESC MS
Sejusp descarta fuga de assassino de Goiás para MS, mas mantém alerta
Policiais Militares da 11ª CIPM prendem criminoso com mandado de prisão em aberto por homicídio qualificado
Polícia Militar recupera veículo furtado em Três Lagoas.
Polícia Militar prende autor de Tráfico de Drogas em Três Lagoas.
PRF apreende 469,9 Kg de maconha em Ivinhema (MS)
Com Patrick de Paula e Danilo Barbosa, Verdão treina transições visando América-MG
PRF apreende 176 Kg de maconha e 85 Kg de skunk na BR-060
Três Lagoas registra 112 novos casos Covid-19 e confirma 03 óbitos nesta sexta-feira (18)
Pessoas com mais de 48 anos serão vacinadas contra Covid-19 neste sábado; gestantes e puérperas, agenda abre na segunda (21). SMS lança pré-cadastro para adolescente de 12 a 17 anos com comorbidades
Polícia Militar Ambiental de Bela Vista captura tucano em residência e o reintroduz na natureza
Polícia Militar cumpre mandado de prisão por duplo homicídio em Campo Grande
Polícia Militar Ambiental de Aquidauana prende infrator por porte ilegal de arma de caça e também o autua em R$ 1 mil por uso de motosserra ilegal
Atacante Hélio Borges é apresentado oficialmente: “Sonho em fazer história no Ceará”
Arrecadação do FEHIS apresenta quinta alta consecutiva
Em homenagem ao Dia da Imigração Japonesa, Meio Ambiente realiza plantio de cerejeiras na Lagoa Maior
Riedel verifica prioridades demandadas por Paranaíba no Governo Presente
Arana é convocado para os Jogos Olímpicos de Tóquio
Nene celebra gol no centésimo jogo pelo Flu: “Fico muito feliz”
Com o auxílio de cães farejadores Polícia Militar apreende cigarros contrabandeados
Polícia Militar Ambiental de Corumbá resgata filhote de veado perdido em área de mata de condomínio na cidade
Prefeito autoriza pavimentação de mais nove trechos do bairro Novo Aeroporto
Além das 05 já existentes, Três Lagoas ganha mais 04 Unidades de “Saúde na Hora” atendendo até às 19h. Todas terão vacinação no horário estendido
Gestantes a partir de 18 anos, com ou sem comorbidades, poderão ser vacinadas contra Covid-19 em MS
Governo do Estado destina equipamentos para 10 novos leitos de UTI em Três Lagoas
Polícia Militar flagra produtos de descaminho em veículo que seguia para Dourados
Next
Prev

Arapuá

A imagem de Santa Dulce visita o Distrito de Arapuá nesta terça (08) de junho

Publicado

A imagem de Santa Dulce dos Podres está vindo da Diocese de Navirai-MS, ela será a padroeira do XVI congresso da região Centro Oeste do ECC (Encontro de Casais). E no dia 9 ela vai para a cidade de Cassilandia-MS.

O Distrito de Arapuá foi contemplado e vai receber a imagem nesta terça-feira (08) de junho. As 19:00 horas haverá o Santo Terço com as famílias de Arapuá, e será transmitida ao vivo no Facebook do ArapuáNews. Ela foi religiosa e se dedicou a cuidar dos pobres e doentes, momento propício pra pedirmos sua proteção.

A imagem veio a Paróquia Nossa Senhora Aparecida em Três Lagoas, e sua única visita será na Capela do Distrito de Arapuá e amanhã (09) segue viagem para Cassilândia-MS.

Biografia de Irmã Dulce

Irmã Dulce (1914-1992) foi uma religiosa católica brasileira que dedicou a sua vida a ajudar os doentes e os mais necessitados. Foi beatificada pelo Papa Bento XVI, no dia 10 de dezembro de 2010, passando a ser reconhecida com o título de “Bem-aventurada Dulce dos Pobres”. Foi declarada santa pelo Papa Francisco em uma celebração no Vaticano no dia 13 de outubro de 2019.

Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes nasceu em Salvador, Bahia, no dia 26 de maio de 1914. Filha de Augusto Lopes Pontes, dentista e professor da Universidade Federal da Bahia, e de Dulce Maria de Souza Brito Lopes Pontes.

Desde criança, Irmã Dulce desejava seguir a vida religiosa e rezava muito, pedindo algum sinal que mostrasse se deveria ou não seguir esse caminho.

Ainda na adolescência, começou a desenvolver a sua missão de ajudar os mendigos, carentes e enfermos.

Formação Religiosa

Aos 13 anos foi recusada pelo convento de Santa Clara por ser muito jovem. Em 8 de fevereiro de 1932, formou-se professora primária e no ano seguinte entrou para a Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, em São Cristóvão, Sergipe.

Irmã Dulce
Retrato de Irmã Dulce

Em 1934, Irmã Dulce fez votos de fé, tornando-se freira e recebendo o nome de Irmã Dulce em homenagem à sua mãe. De volta a Salvador, já como freira, sua primeira missão foi ensinar em um colégio mantido pela sua congregação religiosa.

Realizações de Irmã Dulce

Em 1936, com 22 anos, Irmã Dulce fundou a União Operária São Francisco juntamente com frei Hildebrando Kruthaup. Deve-se também à Irmã Dulce a criação do Colégio Santo Antônio, voltado para os operários e suas famílias.

Importante também foi a sua participação na criação de um albergue para doentes, localizado no convento de Santo Antônio. O espaço depois viria a se transformar no Hospital Santo Antônio.

Irmã Dulce e Madre Teresa de Calcutá
Madre Teresa de Calcutá e Irmã Dulce

Reconhecimento

Em 1980, durante a primeira visita do Papa João Paulo II no Brasil, Irmã Dulce foi convidada a subir no altar e recebeu do Papa um terço. Ela também ouviu as seguintes palavras: “Continue, Irmã Dulce, continue”.

João Paulo II e Irmã Dulce
Encontro de João Paulo II com Irmã Dulce

Em 1988, foi indicada ao Prêmio Nobel da Paz pelo então Presidente do Brasil José Sarney, com o apoio da rainha da Suécia.

Em 2000 recebeu do Papa João Paulo II o título de “Serva de Deus”. Foram mais de 50 anos dedicados a dar assistência aos doentes, pobres e necessitados.

Morte

Irmã Dulce começou a apresentar problemas respiratórios e, apesar de ter uma saúde frágil, não interrompeu o seu trabalho. Já debilitada, foi internada no Hospital Português da Bahia, depois transferida para a UTI do Hospital Aliança e finalmente para o Hospital Santo Antônio.

No dia 20 de outubro de 1991, Irmã Dulce recebeu a visita do Papa João Paulo II para receber a benção e a extrema-unção.

Irmã Dulce faleceu em Salvador, no dia 13 de março de 1992. Seus restos mortais estão enterrados na Capela do Hospital Santo Antônio.

Beatificação

Em outubro de 2010, o Vaticano confirmou um milagre atribuído à religiosa baiana: a recuperação de uma mulher desenganada depois do parto.

A cerimônia de beatificação foi realizada na cidade de Salvador, no dia 22 de maio de 2011, presidida pelo Arcebispo Emérito de Salvador, Dom Geraldo Majella Agnelo, enviado do Papa Bento XVI. Como foi também comprovado um segundo milagre, Irmã Dulce recebeu a decisão de ser canonizada.

Reconhecimento do segundo milagre

No dia 14 de maio de 2019, o Vaticano reconheceu o segundo milagre de Irmã Dulce, que será proclamada Santa, informou o Vaticano. O milagre ocorreu com um músico que pediu ajuda à Irmã Dulce e voltou a enxergar, após ter sido cego por 14 anos.

Canonização

No dia 13 de outubro de 2019, em cerimônia realizada pelo Papa Francisco, no Vaticano, Irmã Dulce, foi declarada santa, com dois milagres reconhecidos. Irmã Dulce entrou para a história como a primeira santa brasileira.

Na ocasião também foram canonizados John Henry Newman, Giuseppina Vannini, Maria Teresa Chiramel Mankidiyan e Margherita Bays.

Com informações de Ebiografia

Comentários Facebook

Arapuá

Resfriador de leite doado pela Agraer amplia capacidade produtiva de associação no Distrito de Arapuá

Publicado

por

A doação de um resfriador de leite pela Agencia de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) para a Associação Centro Rural de Arapuá, que administra um pequeno laticínio em Três Lagoas, vai ampliar a capacidade de produção leiteira local. 

O leite processado é adquirido de pequenos produtores da região, e essa doação além de resultar em maior capacidade de produção, impacta na economia e possibilita ao consumidor final um produto de qualidade e procedência. 

Presidente da Associação, Vanderley Manoel Ferreira, explica que possuíam dois resfriadores que possibilitavam uma produção diária de 1 mil litros, e que essa doação vai ampliar essa capacidade. 

“Nossa média ideal na seca é de 4 a 5 mil litros e esse resfriador vai nos proporcionar um armazenamento maior, além de ser utilizado quando os outros passarem por manutenção. Agradeço imensamente a todos os envolvidos direta e indiretamente pela sensibilidade e atenção ao homem do campo”. 

O transporte do equipamento foi feito pelo Departamento de Agronegócio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agronegócio (Semea). O coordenador de Agronegócio, Célio Lopes de Barros, destacou a importância do trabalho desenvolvido em prol da população.

“A Agraer é grande parceira das ações e programas da Semea e esta boa relação tem se destacado em prol do produtor rural que é contemplado com serviços e produtos, melhorando sua produção”, destacou.

Com o suporte técnico da Agraer, a Associação está se organizando, fomentando o empreendedorismo rural e trabalhando de forma organizada com foco na agricultura familiar, afirma o coordenador regional, Jurandir Xavier. 

“Além de processar o leite in natura eles produzem iogurte. Temos uma frente de atuação lá com desenvolvimento de uma plataforma de trabalho com objetivo de fomentar a produtividade de leite, fazer um planejamento estratégico, e prestar assistência técnica ara os produtores que participam desse cooperativa”, destaca.

Mireli Obando, Subcom 

Foto: Prefeitura de Três Lagoas

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

Arapuá

Matriarca da família TRANNIN, “Terezinha de Jesus Ramos Trannin” completa 92 anos na véspera dos 106 de Três Lagoas

Publicado

Três Lagoas-MS completa neste 15 de junho, 106 de anos de criação, administrava e politicamente, e fazendo parte desta história está a família TRANNIN que iniciou o Distrito de Arapuá, a partir do Saudoso Altair Trannin, que loteou a antiga Fazenda Arapuá, hoje o atual Distrito de Arapuá.

Terezinha completa neste 14 de junho, 92 anos, e continua sempre elegante, que todo dia às seis da manhã ela já está toda vestida, perfumada, penteada e cheia de joias.

Uma mulher batalhadora, disposta, sempre de salto alto até para varrer a casa e lavar roupas, criou seis filhos (José Alexandre, Sueli,  Carlinhos, Afonso, Roberto e Jocilea)  praticamente sozinha, já que Altair seu marido, trabalhava dia e noite, na Cervejaria Londrina, em Londrina-PR, onde moravam.

Em 1.960, foram convidados para vir ao então Mato Grosso para desbravar uma Fazenda de 30.000 alqueires, que era a Fazenda Arapuá S/A (FASA) de Fausto Tavares o mesmo patrão que construiu a Cervejaria Londrina.

Ao chegarem na Fazenda Arapuá, continuou trabalhando até altas horas cuidando da casa, dos filhos, do patrão. A Fazenda era ponto de pouso para boiada, e cuidava da alimentação inclusive dos peões, mas nem assim desceu dos saltos, literalmente, até hoje anda de salto alto.

Altair Cabral Trannin, foi Prefeito de Três Lagoas e vereador por quatro mandatos, Presidente do Centro Rural de Arapuá, diversas vezes, Juiz de Paz e fundou o Distrito de Arapuá e participou ativamente da vida política, sempre ao seu lado incentivando-o.

No dia 15 de junho de 2019, a família reuniu no Sitio Sonho Meu as margens do Rio Sucuriu em Três Lagoas, onde recebeu cerca de 300 convidados para o grande momento de sua vida. E neste dia Terezinha recebeu uma placa com a seguinte homenagem:

Homenagem à Matriarca dos “Ramos Trannin”

Nascida em 14 de junho de 1929 no município de Santa Helena, no estado do Maranhão, Terezinha de Jesus Ramos Trannin é filha de José de Ribamar Perdigão e Jacira Rodrigues da Cunha Perdigão. Veio para o Rio de Janeiro, onde na mocidade conheceu Altair Cabral Trannin, com quem se casou em 16 de julho de 1949, na Castália, Rio de Janeiro e tiveram seis filhos: José Alexandre, Sueli, Carlos Alberto, Afonso, Roberto Luís e Jocilea.

No ano de 1960 vieram para Arapuá, onde fixaram moradia e iniciaram com muita luta, o distrito de Arapuá.  Ao lado do inseparável esposo Trannin, foi a companheira de todas as horas na busca pelo desenvolvimento do local. Foi professora na Escola Dom Hermes de Alcântara, onde hoje funciona a rádio de Arapuá, e muitos alunos passaram por suas mãos de mestre, educadora e orientadora.

O que nos dá orgulho e satisfação é saber o quanto a senhora e tio Trannin serviram de exemplos para todos os que conviveram com vocês. Num período de muitas dificuldades, onde o Arapuá era apenas um povoado, vocês lutaram para trazer o progresso para o distrito. Através de seus esforços chegaram aqui a escola, a energia elétrica, o centro rural, onde nos divertíamos bastante com os bailes aos sábados à noite e os carnavais brincados em família, do cinema que nos alegrava todo final de semana, do posto de saúde e tantas outras benfeitorias. Ainda piá, lembro que onde tio Trannin ia, a senhora estava com ele. Isso se tornou uma referência para mim, sobre o sentido do casamento. Como dona de casa, foi soberana na educação dos seus filhos, norteando-os todos para o caminho do bem. É difícil chegar aos 90 anos com sua altivez, sua imagem intocada, seu respeito preservado, e de forma permanente, continuar sendo nosso exemplo.

Com o coração cheio de alegria, vejo o quanto és importante para todos os que hoje fizeram questão de estarem presentes nesta comemoração. Quiçá Deus me permitir um dia alcançar tamanha honraria de ter meus amigos e familiares juntos comigo, numa celebração semelhante a esta sua, minha querida Tia Terezinha.

Após a perda de tio Trannin, fato ocorrido em 16 de agosto de 1985, e que até hoje nos assola pela dor, a senhora se tornou o  principal pedestal da família Ramos Trannin, sendo com certeza a orientadora e conselheira de muitos. Pela trajetória humana, caminhamos com dificuldades em mantermos os valores que balizam a vida moderna, fatos corriqueiros que no passado a senhora resolvia com tranquilidade e maestria.

Sempre falo para as pessoas que convivem comigo, que a senhora é um grande exemplo de família, basta lembrarmos que em todas as comemorações de aniversários ou casamentos, lá está nossa tia, marcando presença e fazendo parte daqueles momentos de alegria. E nos momentos de dor pela perda de um membro da família, lá está a senhora dividindo lágrimas e oferecendo uma palavra amiga a quem necessita. Isso sim, faz apagar todos nossos pecados de família, todas nossas rusgas e picuinhas, se é que elas existem.

Nós atravessamos por um momento de muitas divisões nas famílias do mundo inteiro, de ciúmes, de brigas e outras mazelas. Mas temos a graça de Deus de termos ao nosso redor uma pessoa agregadora da união, que luta para que consigamos conviver em harmonia, mesmo com tantas diferenças de personalidades na família. Hoje, mais do que nunca tia, quero brindar o dom da vida, quero louvar a Deus por ser tão generoso conosco, nos dando a senhora.

Quero falar com os amigos que estão presentes e guardar cada momento desses, na caixinha das minhas mais belas recordações. E como fiz até agora, vou continuar reservando um cantinho VIP em meu coração, para guardar com muito carinho, a tia que tanto respeito e admiro. Aos seus filhos, netos, sobrinhos e amigos aqui presentes, deixo meu testemunho de amizade e certeza de que todos que ouviram seus ensinamentos, se tornaram pessoas diferenciadas nesta vida, seja como profissional ou como um cidadão de bem. Que Deus em Seu infinito amor, bondade e misericórdia, nos permita desfrutar de sua presença por muitos anos.

Parabéns pelos 90 anos, parabéns pela sua representatividade perante a família Ramos Trannin. Muito obrigado pela senhora existir em nossas vidas. Com muita simplicidade, porém com muito carinho ousei escrever esta pequena homenagem para a senhora.

Seu sobrinho, filho de Arapuá,
Zeca Tranin
Curitiba,    abril 2019.

Mensagem do ArapuáNews a aniversariante

“Cada dia é um presente, e enquanto nossos olhos se abrirem, focalizaremos o novo dia, mas também as lembranças alegres guardadas daquela época da vida. A velhice é como uma conta bancária: você só retira aquilo que guardou. Então, nosso conselho é depositar um monte de alegrias e felicidade na sua Conta de Lembranças. Como você vê, ainda continuamos  depositando e acreditando que, por mais complexa que seja a vida, sábio é quem a simplifica. Deixe fora os números que não são essenciais. Isto inclui a idade, o peso e a altura. Deixe que os médicos se preocupem com isso. Rodeie-se das coisas que ama:  família, plantas, o que quer que seja. Cuide de sua saúde. E por último aprenda que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida.” Terezinha, que Deus a abençoe com força, saúde, amor, paz e muito mais anos de vida! Parabéns! Feliz aniversário!

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana