TRÊS LAGOAS MS
  Últimas
Série B: Operário bate Chapecoense por 2 a 1 na abertura da 15ª rodada
Braga Netto deverá ser o vice de Bolsonaro e Tereza Cristina poderá disputar o Senado
Polícia Civil identifica suspeito de tentativa de homicídio em Três Lagoas
Homem morre atropelado enquanto empurrava carro estragado para fora de rodovia em MS
Ladrão vestido de ‘fantasma’ furta companhia de água
Pai e filha morreram em colisão frontal entre carro e bitrem na BR-262
Polícia Militar prende dois autores de furto em Anastácio
“Capitania Itinerante” atende amadores, aquaviários e proprietários de embarcações até sexta-feira (01)
Superintendente da PRF/MS visita Procurador-Chefe do MPF em MS
Mato Grosso do Sul termina o Brasileiro Sub-18 de Judô com cinco medalhas
Polícia Militar prende cinco homens com pendências judiciais na área do 7º BPM
Águas abertas: Ana Marcela Cunha conquista ouro nos 5 km no Mundial
Em Paranaíba, Polícia Militar prende dois homens por cometer o crime de violência doméstica
Polícia Militar prende homem por dirigir embriagado e sem Carteira de Habilitação em Paranaíba.
Polícia Militar prendeu três homens por cometer crime de tráfico de drogas em de Paranaíba
Timão se reapresenta e inicia preparativos para jogo da CONMEBOL Libertadores
Polícia Militar prende homem de 24 anos por cometer furto em Aparecida do Taboado
Polícia Militar da 10ªCIPM realiza operação Lagoa Segura
Polícia Militar prende homem de 22 anos por dirigir perigosamente em Aparecida do Taboado
PRF participa de peregrinação e recebe homenagem em Campo Grande (MS)
Projeto “Vida na Praça” chega ao Distrito de Arapuá neste domingo (03)
Polícia Militar divulga levantamento das ações semanal da 10ªCIPM
Polícia Militar faz acompanhamento da 1ª Corrida de Rua em Alusão ao Dia do Bombeiro Militar, em Aparecida do Taboado
Polícia Militar garante a segurança durante evento de carros antigos em Aparecida do Taboado
Polícia Militar realiza o patrulhamento rural na região da “Mata” no município de Paranaíba/MS.
Polícia Militar prende mulher por violação de domicílio, dano e desacato em Nova Andradina
Fazendo Arte entra no balanço dos 35 anos da Ginga Cia de Dança
Atenção proprietários de veículos: Última semana para quitar licenciamento de placas com final 3 e 4
Carga de maconha é apreendida pela Polícia Militar Rodoviária, na MS-164, em Ponta Porã
PMMS realiza Passagem de Comando do Batalhão de Guarda e Escolta
Next
Prev

Mato Grosso do Sul

Em comemoração ao Dia do Cinema Brasileiro, confira 10 filmes feitos aqui em MS

Publicado

No dia em que celebramos o cinema brasileiro o MIS rememora dez filmes de longa-metragem que foram produzidos no Estado por cineasta brasileiros estrangeiros e que trazem no enredo histórias e paisagens do Estado.

“O cinema é uma importante ferramenta de descoberta e redescoberta pelos seus processos de realização e pela forma como ele chega ao público, e para esse dia 19 queremos dar destaque a filmes importantes realizados no Estado que se destacaram e que mostram como o Estado é pulsante e histórias, personagens e paisagem e que atividade precisam aqui, a cada dia, serem fortalecidas nos seus processos de produção, formação e difusão”, diz a coordenadora do MIS, Marinete Pinheiro.

Confira a lista dos filmes:

  1. Alma do Brasil (1931) Direção: Líbero Luxardo

Sinopse: Durante uma visita ao túmulo do coronel Carlos de Morais Camisão, é reconstituída a dramática “Retirada da Laguna”, ocorrida durante a Guerra do Paraguai. Após uma fracassada tentativa de invadir territórios paraguaios, soldados brasileiros enfrentaram a cólera e a fome enquanto sofriam com a perseguição de tropas paraguaias em meio a uma região pantanosa. O drama também conta com cenas documentais.

  1. Terra Vermelha (2008)

Direção: Marco Brechis

Sinopse: Um grupo de índios vive em uma fazenda trabalhando como escravos e ganham alguns trocados para posarem como atração turística. Eles decidem reivindicar suas terras e de seus ancestrais, começando um grande conflito com os fazendeiros.

  1. Madalena (2018)

Direção:  Madiano Marcheti

Sinopse: O corpo de Madalena, uma mulher trans, é encontrado em uma plantação de soja, e três jovens têm suas vidas conectadas pelo espírito dela, lutando para superar a violência em um país que assassina sua população LGBTQIA+.

  1. Cabeça a prêmio (2010)

Direção: Marco Ricca

Sinopse: A família Menezes é uma família poderosa de criadores de animais do Centro-Oeste e sempre estiveram à frente de todas as transações ilegais na região. Nos últimos tempos, eles têm observado como o sistema que os protegeu durante tantos anos se desintegra lentamente. Mirão Menezes vive à mercê da indústria do narcotráfico, das autoridades cada vez mais abusivas e da permanente e violenta luta pelo poder com seu irmão Abílio.

  1. Brava gente brasileira (2001)

Direção: Lúcia Murat

Sinopse: Um grupo de soldados acompanha o cartógrafo Diogo, um recém-chegado, que foi enviado pela Coroa Portuguesa para fazer um levantamento topográfico da região. No caminho do forte, eles descobrem um grupo de mulheres índias tomando banho em um rio.

  1. Kaiguange Pontaria do Diabo (1974)

Direção: Carlos Hugo Christensen

Sinopse: O filme retrata o drama social vivido por agricultores expulsos das terras que ocupavam. Na fronteira entre Brasil e Paraguai, um bando de jagunços aterroriza posseiros com a conivência do delegado, até o aparecimento de Caingangue, mestiço misterioso que aprendeu a lutar para sobreviver.

  1. Não devore meu coração (2017)

Direção:  Felipe Bragança

Sinopse: Joca, um menino brasileiro de 13 anos, e Basano La Tatuada, uma menina indígena paraguaia, vivem na fronteira entre os dois países. Joca está apaixonado por Basano, e busca fazer de tudo para conquistá-la, até enfrentar as memórias violentas da Guerra do Paraguai e os segredos de seu irmão mais velho, que é envolvido com uma perigosa gangue de motociclistas da região.

  1. Os matadores (1997)

Direção:  Beto Brant

Sinopse: Dois matadores profissionais aguardam a chegada de seu alvo em um bar na divisa entre o Brasil e o Paraguai. Toninho conversa com o veterano Alfredão sobre a vida e as façanhas realizadas por Múcio, o matador mais temido e competente da região.

  1. Carmo (2008)

Direção:  Murilo Pasta

Sinopse: Desesperada para sair de sua cidade, uma mulher aceita ajudar um contrabandista cadeirante a transportar uma carga ilegal.

  1. Em nome da Lei (2016)

Direção:  Sérgio Rezende

Sinopse: O juiz federal Vitor é jovem e recém-chegado à cidade de Fronteira. Com muita disposição para trabalhar e vontade de solucionar problemas e trazer tranquilidade à cidadezinha, ele quer desmontar um esquema de contrabando e tráfico de drogas que vem ganhando força na região. Para prender o perigoso Gomez, Vitor conta com a ajuda de Alice, a procuradora por quem se apaixona. Ele também pede ajuda à equipe do policial federal Elton.

Karina Lima, FCMS
Foto em destaque: Imagens do filme “Não Devore Meu Coração!

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook

Mato Grosso do Sul

Mato Grosso do Sul termina o Brasileiro Sub-18 de Judô com cinco medalhas

Publicado

por

A delegação que representou Mato Grosso do Sul no Campeonato Brasileiro Sub-18 de Judô voltou para a casa com a mala mais pesada. Duas medalhas de ouro e três de bronze foram conquistadas pelos sul-mato-grossenses na competição, que neste ano foi sediada em Vitória (ES), nos dias 25 e 26 de junho. O evento foi organizado pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ), e os atletas contaram com o apoio do Governo do Estado, através da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte) para participar das disputas.

No quadro de medalhas geral e masculino, Mato Grosso do Sul figurou em quarto lugar, atrás de São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro. No quadro feminino, o estado terminou em terceiro lugar, atrás de São Paulo e Paraná. “Mato Grosso do Sul mais uma vez figura entre os melhores do Brasil. Esse é o resultado do esforço e dedicação de nossos atletas, além do investimento do Governo do Estado em seus talentos. Este é apenas o início de uma carreira brilhante”, declara o diretor-presidente da Fundesporte, Silvio Lobo Filho.

Conforme a CBJ, a competição contou pontos para o Ranking Nacional, que determina quais atletas representarão o Brasil em competições internacionais. “Todo o trabalho dos clubes nos proporcionou esse resultado”, conta Marcelo Matos, diretor-técnico da Federação de Judô de Mato Grosso do Sul (FJMS). “Era uma seleção recheada de talentos, e esse retorno apenas nos comprova isso. Essa faixa etária é decisiva para decidir o futuro destes atletas no esporte, e mais uma vez estamos nos colocando entre os melhores da categoria”, continua.

Segundo Marcelo, o momento é para ficar de olho nas competições mundiais. “Os resultados demonstrados nessa idade são a porta de entrada para eventos de grande porte. Mato Grosso do Sul demonstrou sua força em uma competição de alto nível, em frente aos olhos de técnicos da Seleção Brasileira”, conclui.

O Campeonato Brasileiro Sub-18 de Judô foi realizado pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ). A delegação sul-mato-grossense contou com o apoio do Governo do Estado, por meio da Fundesporte, para sua participação.

Confira abaixo os resultados da Competição:

Relatório – Campeonato Brasileiro Sub-18 de Judô

Clara Rockel – Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte)

Foto de destaque: Divulgação/FJMS

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso do Sul

Atenção proprietários de veículos: Última semana para quitar licenciamento de placas com final 3 e 4

Publicado

por

Esta semana é o último prazo para que proprietários de veículos com placas terminadas em 3 ou 4 possam fazer o pagamento do CRLV, documento de porte obrigatório, que autoriza o automóvel a circular pelas vias, atestando que ele está em conformidade com as normas de segurança e ambiental.

O pagamento pode ser feito em qualquer agência do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) ou na rede bancária credenciada: Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco, Casas Lotéricas e Banco Postal dos Correios e Rede Pague Fácil.

Outra alternativa são os aplicativos de banco que permitem a utilização do código de barras ou QR Code para o pagamento por PIX.

Além da versão impressa, o CRLV pode ser apresentado, quando solicitado pela autoridade de trânsito, em formato digital, por meio da CDT (Carteira Digital de Trânsito).

O motorista flagrado circulando com veículo não licenciado comete uma infração gravíssima, estando sujeito a uma multa de R$ 293,47.

 

Katiuscia Fernandes – Subcom

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana