Três Lagoas-MS

  Últimas
Medalhistas paralímpicos são eternizados em Cidade das Artes Marciais
Tênis de mesa: seleção feminina viaja para a Europa no dia 21
Webinar sobre Mediação e Arbitragem já está disponível no canal de vídeos da PGE
Comprados para aquecer famílias carentes, cobertores já estão chegando nos municípios
UEMS lança Guia para produção de Podcasts
Projeto Amigos do Parque permanece suspenso neste fim de semana
Saúde já realizou 98 transplantes de órgãos este ano em MS
Chuva ameniza clima quente e seco em algumas regiões do Estado neste sábado
Série B: América-MG e Operário-PR empatam em 1 a 1
Atletismo: Joshua Cheptegei estabelece novo recorde nos 5 mil metros
Em Água Clara| Jovem perde a vida em acidente com animal na BR 262
Liga dos Campeões: Bayern massacra Barcelona por 8 a 2 e está na semi
Polícia Militar cumpre mandado de prisão em Rio Verde
Cessões de uso firmados pela SAD proporcionam economicidade ao Governo do Estado
Em Nova Alvorada do Sul-MS|PRF apreende 4,6 Kg de cocaína (MS)
Segurança do Estado é reforçada com itens recebidos do legado da Senasp
Polícia Militar Ambiental de Batayporã autua paranaense em R$ 55 mil por desmatamento ilegal de vegetação do bioma protegido de Mata Atlântica para plantio de lavoura
Grêmio oficializa venda de Everton ao Benfica
Operação de combate às queimadas no Pantanal faz o número de focos de incêndio cair de 301 para 50
Em Três Lagoas| Distribuição de senhas para atendimento na Caixa passa a ser no “Poliesportivo da Lagoa Maior” 
Polícia Militar realiza troca de comando da Companhia de Cassilândia
Município de Brasilândia informa trabalho realizado no enfrentamento do Coronavírus desde a Pandemia
Suzano registra geração de caixa operacional de R$ 3,4 bilhões, maior resultado trimestral desde a fusão
Polícia Militar Ambiental de Rio Negro autua dono de chácara em R$ 3 mil por derrubada de árvores para exploração de madeira
Liga e Comitê de Clubes fecham acordo de suporte logístico para NBB
Marcos Braz confirma saída do lateral Rafinha do Flamengo
PRF apreende 1,5 tonelada de maconha após dois flagrantes no MS
Para segurança de pedestres, Prefeitura constrói calçada na Vila Zucão
Polícia Militar prende homem por dano após romper tornozeleira eletrônica em Bataguassu.
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande recolhe filhote de anta com ferimentos possivelmente por ataque de cachorros de caça
Next
Prev

Notícias da Região

Castilhense tem nome em suspeitos de Covid 19 sem nunca ter feito exame

Publicado

A moradora de Castilho/SP, Fabíola Ferreira Miranda Guedes, está sem resposta oficial dos órgãos de Saúde para um mistério: Ele foi colocada na lista de pessoas suspeitas de ter Coronavírus sem que nunca tivesse realizado sequer consultas e exames.

No último dia 9 deste mês ela foi notificada em casa pela Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Castilho-SP como suspeita de Covid. O agente queria saber se ela estava fazendo a quarentena domiciliar. O caso passou a ficar mais estranho quando o agente informou que a castilhense teria realizado o exame no Hospital Unimed Araçatuba, mostrando comprovação do Sistema de Controle Nacional de Covid 19.

Fabíola afirmou a redação de Hoje Mais Andradina “que não fez exames e também não estava na cidade de Araçatuba no dia informado”.

O exame teria sido digitalizado por Elenice dos Santos Ramires Heiderichi, com quem Fabíola teve uma conversa por telefone, em ligação gravada. Elenice afirmou que desconhece a informação e diz ter ocorrido um “erro grave”. O que mais surpreendeu a castilhense foi que a data do exame aconteceu antes, da suposta consulta que nunca aconteceu.

A consulta no processo teria ocorrido no dia 27/6 no hospital de Castilho e os exames no dia 25/6 em Araçatuba. “Nada disso aconteceu. Apesar de todos os meus dados no processo estavam certos, meu CPF, o nome da minha mãe, o meu nome e a data de nascimento. A única coisa errada era meu telefone”, afirma.

No cadastro do atendimento constava um telefone desconhecido que, mais tarde foi identificado como pertencer a um enfermeiro com área de DDD 017. Castilho pertence a área 018, onde ela possui registrado um número de celular.

Apesar de ela ter acionado a UNIMED e sistema de saúde de Castilho, Fabíola ainda está sem uma resposta oficial para o caso.

“Uma diretora da Unimed de Araçatuba, respondeu que iria analisar a situação que ia tirar essa notificação do SUS, do meu nome porque sim aconteceu um erro, só que não me deu uma resposta alguma do que aconteceu e nem plano da Unimed eu tenho”, disse sobre o mistério.

Por Hojemais Andradina

Comentários Facebook

Notícias da Região

Agricultor de Castilho morre em acidente que envolveu Bancário de Três Lagoas

Publicado

O agricultor Damião Gomes Cardoso, 57 anos, morador na zona rural de Castilho (SP), morreu ao ser prensado na traseira do carro dele por outro carro em uma estrada vicinal da cidade na noite de quarta-feira (12).

Segundo a polícia, havia uma carretinha atrelada ao veículo da vítima, que apresentou problema mecânico e estava parado sobre a pista. O caso aconteceu por volta das 19h30 na chamada estrada do Aeroporto. No local, os policiais constataram que Cardoso conduzia um VW Gol, puxando um barco em uma carretinha.

O carro apresentou problema mecânico e quando o agricultor tentava tirá-lo da estrada, foi atingido por um Hyundai Creta com placas de Pereira Barreto, que era conduzido por um bancário de 39 anos, de Três Lagoas (MS).

Segundo a polícia, com o impacto a vítima foi prensada contra a carreta, teve fratura em uma das pernas e a outra foi decepada. Apesar de ter sido atendido no hospital de Castilho, Cardoso não resistiu.

Atravessado

Segundo o condutor do Creta, ele foi surpreendido pelo carro do agricultor atravessado na pista em um trecho de subida e após uma curva. Ainda de acordo com o bancário, o veículo e a carreta com barco bloqueavam as duas faixas da pista, no sentido perpendicular.

Por fim, relatou que por não haver sinais luminosos e estar escuro, teve dificuldade de ver o veículo, mas quando o viu tentou frear, não havendo tempo de evitar a colisão. A vítima que estava atrás do barco, tentando empurrá-lo, quando foi atingida.

O bancário permaneceu no local aguardando o socorro e fez o teste do bafômetro, que deu negativo para ingestão de álcool.

Investigação

O local onde ocorreu a colisão foi periciado por equipe do Instituto de Criminalística e a carreta foi apreendida por estar com placa de um Ford Corcel.

O carro do agricultor foi entregue a um morador na fazenda Três Barras, onde ele residia, e o corpo passou por exame necroscópico antes de ser liberado para velório e enterro.

Por: Paparazi News

Comentários Facebook
Continue lendo

Notícias da Região

Bancário que trabalha em Andradina morre ao bater carro em rodovia

Publicado

Foi identificado pela polícia o jovem de 26 anos que morreu em um acidente de trânsito na rodovia Marechal Rondon (SP-300), na noite de quarta-feira (12), em Guaraçaí.

Marcelo Henrique Sanches era bancário e morava em Mirandópolis. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, ele conduzia um Toyota Corolla com placas de Araçatuba.

Quando passava pelo quilômetro 616, pouco antes das 19h, ele perdeu o controle e o carro cruzou o canteiro central e bateu na defesa metálica no sentido oposto.

Os policiais que atenderam a ocorrência encontraram o Corolla danificado, parado além do acostamento e Sanches estava caído no gramado.

Por HojeMais Araçatuba

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana