TRÊS LAGOAS-MS
  Últimas
Nota de Pesar
Polícia Militar prende homem por tráfico drogas
Goleiro Fábio chega ao Flu mirando a Libertadores: “está na hora”
Austrália: duplas de Melo e de Monteiro ganham de virada nas estreias
Atenção doadores: Neste sábado Hemosul abre em período integral para receber doações
No Dia do Fusca, Detran aponta 21,5 mil registrados em Mato Grosso do Sul     
Controladoria-Geral do Estado participa de oficinas sobre o PPA
Tesouro Nacional classifica MS entre as melhores gestões do País
Goias vence jogo treino no CT
Flamengo treina em período integral nesta quarta-feira (19), no Ninho do Urubu
Castração de cães e gatos machos e outros serviços voltam a partir de segunda-feira (24)
Saúde alerta que cuidados para prevenir a contaminação por Covid-19 e Influenza A são os mesmos
Oportunidade: Funtrab ainda tem vagas para indígenas trabalharem nas lavouras de maçãs
Detran-MS alerta sobre golpes para extrair documentos em nome do CNH Social
Polícia Militar prende homem por receptação em Batayporã
Corinthians vence jogo-treino diante do Audax
Com golaço de Ângelo, Santos FC vence São Caetano por 4 a 3 em jogo-treino no CT Rei Pelé
Covid-19: Pequim aumenta vigilância com alta de casos antes dos Jogos
Palmeiras é eleito o melhor do mundo, título inédito para o país
Fiscalização “De Olho no Coronavírus” volta à ativa e abre ações com panfletagem na área central de Três Lagoas
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande resgata filhotes de maritaca que caíram do ninho
Polícia Militar prende jovem por direção perigosa em Nova Andradina
Polícia Militar conduz para a delegacia três pessoas por violência doméstica no Vale do Ivinhema
Desfile das Escolas de Samba de Campo Grande é adiado para abril
Com golaço de bicicleta Verdão goleia o Oeste e avança as semis da copinha
Tricolor elimina Cruzeiro e agora tem Choque-Rei nas semifinais da Copinha
TV ALEMS estreia Restrospectiva 2021 na programação
Detran/MS alerta: Ainda dá tempo de quitar o seu IPVA com desconto de 15%
SAD divulga inscrições deferidas e indeferidas em processo seletivo da SES/Agepen
Primeira capacitação do ano sobre Lei de Proteção de Dados Pessoais atende servidores da MSGÁS
Next
Prev

Mato Grosso do Sul

“Vamos bancar a conta de luz de 141 mil famílias”, afirma Reinaldo Azambuja

Publicado


Com a criação do programa “Energia Social: conta de luz zero”, o Governo do Estado vai liquidar nos próximos 14 meses a fatura de energia elétrica de 141.540 famílias sul-mato-grossenses que vivem em situação de vulnerabilidade social. 

O projeto de lei que cria o programa foi entregue ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Paulo Corrêa, nesta terça-feira (7) e precisa ser validado pelos deputados estaduais antes de passar a valer.

“Vamos bancar a conta de luz de 141 mil famílias. As contas serão 100% custeadas pelo Governo do Estado, tanto a energia quanto os tributos PIS, Cofins e Cosip. Existe uma camada grande de pessoas que empobreceram na pandemia e criou-se aí problemas de cunho social. Por isso, lançamos mais esse apoio às famílias carentes”, destacou o governador.

Conforme o projeto de lei, o “Energia Social” vai custear as contas de energia elétrica dos imóveis residenciais de famílias de baixa renda que utilizam até 220 kWh por mês. Nessa faixa de consumo, a conta de energia gira em torno de R$118.

Para serem beneficiadas pelo programa, as famílias devem ter inscrição ativa no CadÚnico e serem beneficiárias da Tarifa Social, do Governo Federal. Caso a família tenha em casa pessoa com doença que exija tratamento com aparelho que demanda energia elétrica, o teto de consumo sobe para 530 kWh. 

O programa terá duração de 14 meses, de dezembro de 2021 até janeiro de 2023, podendo ser prorrogado pelo mesmo período. Considerando uma média de quatro pessoas por núcleo familiar, pelo menos 566.160 cidadãos devem ser beneficiados com o “Energia Social”.  A medida impacta em R$ 12 milhões por mês o orçamento do Estado.

Redução de ICMS para outros consumidores

O “Energia Social” é mais uma ação do Governo do Estado em benefício da população na área da energia elétrica. Em outubro deste ano, o governador reduziu a cobrança do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação) em três pontos percentuais nas faturas de todos os consumidores enquanto durar a bandeira de escassez hídrica estabelecida pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica).

A medida também vale quando a Agência estabelecer bandeira vermelha de consumo.

Ilumina Pantanal

Para o governador Reinaldo Azambuja, energia elétrica é um bem de consumo essencial para o ser humano, por isso o novo programa “Energia Social” vem complementar ações do Governo do Estado nesse setor.

“Já temos em Mato Grosso do Sul o ‘Ilumina Pantanal’, que leva energia elétrica sustentável para mais de cinco mil famílias em áreas remotas do bioma. É emocionante ouvir ribeirinhos dizendo que nunca imaginaram que poderiam ter energia, que poderiam ter um ventilador e uma geladeira. Ampliar o acesso à energia elétrica e isentar a conta para famílias carentes é promover um bem social. Essas pessoas vão economizar e poder comprar mais alimento e atender suas famílias”, pontuou.

Bruno Chaves, Subcom
Foto: Chico Ribeiro

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook

Mato Grosso do Sul

Atenção doadores: Neste sábado Hemosul abre em período integral para receber doações

Publicado

por


Com baixos estoques das tipagens sanguíneas O+, O-, A- e B-, o Hemosul Coordenador abrirá nesta próximo sábado, dia 22, no período das 07h às 17h. E não é necessário agendar, pois aos sábados o órgão trabalha com demanda espontânea, ou seja, basta comparecer a unidade com documentos pessoais, estar bem alimentado e bem de saúde.

Também são critérios para doação ter entre 16 a 69 anos e pesar 55kg, um intervalo de 48h para quem se vacinou com Coronavac; e de sete dias para os vacinados com Astrazeneca, Pfizer e Janssen.

Para mais informações sobre endereço, horários e critérios para doação basta acessar hemosul.ms.gov.br ou mesmo nas redes sociais do Hemosul: @hemosulms.

 

Katiuscia Fernandes – Subcom

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso do Sul

No Dia do Fusca, Detran aponta 21,5 mil registrados em Mato Grosso do Sul     

Publicado

por


Levantamento feito pelo Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) neste dia 20 de janeiro, data em que se comemora o Dia Nacional do Fusca, aponta que o Estado hoje possui uma frota registrada de 21.545 veículos que possuem data de fabricação desde 1959 até o mais recente, 2015.

A paixão do empresário Rodrigo Sandre Cristianini por carros antigos começou desde menino. Em 2018 ele resolveu que queria comprar um. “Comecei a pesquisar e acabei encontrando o meu em um anúncio. Achei o preço interessante e fui com um amigo buscar em Brasilândia. Fomos em uma F4000 e trouxemos na carroceria”, contou.

Quando chegou, o veículo precisava de muitos reparos. (Foto: Arquivo Pessoal)

A aquisição ocorreu no ano de 2018 e, na época, ele conta que desembolsou a quantia de R$ 4 mil pelo veículo com fabricação em 1974. “Muita gente acha que por se tratar de um carro antigo é mais fácil manter. Mas eu troquei tudo: para-lamas, funilaria, parte elétrica, pintura, agora coloquei um som. Meu funileiro diz que é ainda mais difícil por ser um carro antigo. Tem muito detalhes e é complicado até para pintar”, afirmou.

Em dezembro deste ano, Rodrigo e a família participaram de um encontro de carros antigos promovido pelo próprio mecânico que o atende. “É um rapaz jovem, o Rafael. Todos o conhecem como Ruffo. É ele quem mexe no meu fusca, que faz todas as instalações e esse encontro foi bem bacana, promovido ali no bairro União [Campo Grande]”, finalizou.

Rodrigo ao lado da família durante encontro de carros antigos (Foto: Arquivo Pessoal)

Na foto encaminhada para a assessoria, Rodrigo aparece ao lado da esposa Clezia e da pequena Mariah, de apenas cinco anos, com seu fusca azul.

Segundo registros do Detran-MS, os carros mais antigos registrados em Mato Grosso do Sul são três fuscas 1959 e o mais novo, um modelo de luxo fabricado em 2015 que custa em média, R$ 100 mil.

O Fusca foi lançado em 1935 pelo alemão Ferdinand Porshe com o nome de Typ I para ser um veículo popular e econômico. Ao longo dos anos passou por etapas de modernização em sua mecânica, estética e chegou a ser utilizado com várias finalidades, como na entrega de encomendas e foi até veículo militar durante a guerra, em 1939.

Vivianne Nunes, Detran/MS

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

Mato Grosso do Sul20 de janeiro de 2022, 15:21

Atenção doadores: Neste sábado Hemosul abre em período integral para receber doações

http://www.ms.gov.br/wp-content/uploads/sites/150/2022/01/20.01.22-HEMOSUL-SABADO-PORTAL.mp3 Com baixos estoques das tipagens sanguíneas O+, O-, A- e B-, o Hemosul Coordenador abrirá nesta próximo sábado, dia...

Mato Grosso do Sul20 de janeiro de 2022, 15:21

No Dia do Fusca, Detran aponta 21,5 mil registrados em Mato Grosso do Sul     

Levantamento feito pelo Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) neste dia 20 de janeiro, data em...

Mato Grosso do Sul20 de janeiro de 2022, 15:21

Controladoria-Geral do Estado participa de oficinas sobre o PPA

No ano passado foram realizadas diversas reuniões dos integrantes do Grupo de Trabalho Multidisciplinar e Interinstitucional (GTMI) que propõe normas...

Mato Grosso do Sul20 de janeiro de 2022, 15:21

Tesouro Nacional classifica MS entre as melhores gestões do País

Ajustes, equilíbrio financeiro e solidez fiscal permitiram ao Estado recuperar capacidade plena de pagamento e investimentos Mato Grosso do Sul...

Mato Grosso do Sul20 de janeiro de 2022, 13:51

Oportunidade: Funtrab ainda tem vagas para indígenas trabalharem nas lavouras de maçãs

http://www.ms.gov.br/wp-content/uploads/sites/150/2022/01/20.01.22-VAGAS-FUNTRAB-PORTAL.mp3 Trabalhadores indígenas, interessados em trabalhar na colheita de maçã, nos estados do de Santa Catarina (SC) e Rio Grande...

POLICIAL

Mais Lidas da Semana