Três Lagoas-MS

  Últimas
Botafogo-SP vence Oeste e fica fora do Z4 da Série B
Força-tarefa prioriza controle das chamas para evitar o avanço dos incêndios na Serra do Amolar
CSA, Avaí e Juventude vencem na Série B do Brasileirão
TV Brasil transmite Série D do Campeonato Brasileiro 
Thiago Monteiro estreia com vitória e avança em Roland Garros
Geromel e Kannemann testam positivo para covid-19 e desfalcam Grêmio
Governo do Estado convoca policiais militares da reserva para reforçar segurança nas ruas
Queimadas no Pantanal destroem oito pontes de madeira; na MS-243 e MS-195
Coluna – O erro de estratégia e a falta de memória dos dirigentes
PRF apreende mais de 4,7 toneladas de maconha em Dourados (MS)
Veículo que seguia para Três Lagoas com mais de 140 quilos de entorpecente foi apreendido pelo DOF durante a Operação Hórus
Sancionada lei que prevê multas e punições para quem passar trote no 190 e 193
Polícia Militar de Coxim recebe visita de Orientação Técnica do General da 18º Brigada de Infantaria de Fronteira de Corumbá
Subsecretaria realiza 3º workshop “Mulheres na Política”
Rota Bioceânica: escolhida empresa que fará projeto do acesso à ponte do rio Paraguai
Médico alemão admite ter ajudado atletas com doping por vários anos
MS registra 638 novos casos de coronavírus em 24 horas
Polícia Militar Ambiental de Bela Vista autua infrator por desmatamento e exploração de madeira ilegalmente descobertos por imagem de satélite e orienta produtores rurais
Matéria dispõe sobre o destino dos celulares e tablets apreendidos nas prisões
Polícia Militar prende jovem e liberta família que era mantida em cárcere privado numa chácara em Nova Porto XV de Novembro.
Após descumprir Medida Sanitária, fornecer bebida à menores e perturbar o sossego alheio, dois homens são presos pela Polícia Militar em Mundo Novo
Terça cheia na Série B: Cuiabá e Náutico encerra noite de sete jogos
Com proximidade de novo feriado, SES alerta que Covid não está controlada no Estado
Mulheres são a maioria do eleitorado e número de candidaturas femininas aumenta em 2020
Com vitórias simples, Grêmio e Inter irão às oitavas da Libertadores
PRF apreende carreta adulterada em Água Clara (MS)
Polícia Militar Ambiental de Corumbá autua mulher de 48 anos em R$ 5 mil por atear fogo em resíduos com riscos se tornar grande incêndio no Pantanal
Meio Ambiente de Três Lagoas retira 54 sacos de lixo com resíduos no entorno da Segunda Lagoa
Com participação da Fundesporte, encontro on-line debate os impactos da pandemia aos idosos
MSGás de Três Lagoas tem vagas de estágio abertas
Next
Prev

Esportes

Tênis brasileiro em cadeira de rodas volta a competir após seis meses

Publicado


.

Nesta quarta-feira (16), tem início o Toyota Open International, na Ilha de Ré (França), o primeiro torneio envolvendo tenistas brasileiros em cadeira de rodas, após seis meses de paralisação por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19). O país será representado pelo mineiro Daniel Rodrigues e pelo catarinense Ymanitu Silva, que viajaram no último domingo (13).

O circuito mundial foi  reaberto na última quinta (10) com o US Open, em Nova York (Estados Unidos). Ainda na França, a dupla brasileira disputará o Aberto da Riviera, a partir do próximo dia dia 28. São as únicas competições previstas para setembro, segundo a Federação Internacional de Tênis (ITF, sigla em inglês).

Apesar de competirem por categorias diferentes, Ymanitu e Daniel chegaram a treinar juntos em Itajaí (SC), em julho. O catarinense, 10º colocado no ranking mundial na classe quad (atletas com deficiência em três ou mais regiões do corpo) e que integra a equipe fixa de uma academia em Itajai (SC), conseguiu manter uma rotina menos restritiva de treinos, apesar da pandemia. O mineiro, 11º do mundo na classe open (tenistas com deficiência nos membros inferiores) masculina, ficou quatro meses sem conseguir treinar e precisa adaptar a rotina.

Daniel Rodrigues - tênis em cadeira de rodasDaniel Rodrigues - tênis em cadeira de rodas

O mineiro Daniel Rodrigues, 11º do mundo na classe open masculina, ficou quatro meses sem conseguir treinar e precisou adaptar a rotina. – Douglas MagnoExemplus/CPB/Direitos Reservados

“Fiquei 20 dias em Itajaí, porque em Belo Horizonte estava tudo fechado. Quando voltei, como os clubes ainda não estavam liberados, arrumei uma quadra para conseguir treinar três vezes por semana, uma hora por dia, que é muito pouco, em vista do que eu treinava”, conta Daniel, que competiu pela última vez em março, no Aberto da Georgia (Estados Unidos). Ele avançou à segunda fase, mas o torneio teve de ser interrompido.

Segundo a Confederação Brasileira de Tênis (CBT), a participação dos atletas foi viabilizada, em meio às restrições de viagem devido à pandemia, por uma parceria instituicional com a Federação Francesa de Tênis. “Depois de seis meses só treinando, poder voltar a competir é importante para poder avaliar em que nível está o nosso trabalho e treinamento. É bom voltar e ter novamente esse friozinho na barriga por competir”, destaca Ymanitu, em comunicado divulgado pela CBT.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook

Esportes

Botafogo-SP vence Oeste e fica fora do Z4 da Série B

Publicado

por


O Botafogo-SP venceu o Oeste por 1 a 0, na Arena Barueri, quebrando uma sequência de quatro derrotas consecutivas. O Pantera chegou a 11 pontos, saiu provisoriamente da zona do rebaixamento e ainda deixou o rival da noite desta terça-feira (29) na lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro, com apenas 6 pontos conquistados. A partida foi marcada pela dificuldade das equipes em criar chances de gol e pela queda de luz da Arena Barueri no primeiro tempo.

Antes do apagão, o Botafogo-SP teve uma boa chance, aos 5 minutos de jogo. Ronald avançou pela direita, entrou na área do Oeste e chutou no canto esquerdo de Caíque França, que espalmou para escanteio. Aos 24 minutos, o goleiro do time da casa fez outra grande defesa. Rafinha recebeu lançamento, cortou pra dentro e chutou cruzado de esquerda, mas Caíque França salvou.

Aos 38 minutos, alguns refletores da Arena Barueri apagaram. Depois de 13 minutos de espera, o jogo recomeçou. O Oeste voltou melhor da parada e passou a ameaçar. Aos 61 minutos, Betinho, de cabeça, completou cruzamento que veio da esquerda e a bola passou perto do gol de Darley. A última chance do primeiro tempo foi do Botafogo. Wellington Tanque dominou na entrada da grande área e chutou no canto esquerdo para Caíque França espalmar.

O segundo tempo da partida foi ruim tecnicamente. As equipes não conseguiam criar oportunidades e tinham dificuldades de finalizar para o gol. Até que, aos 22 minutos, Ronald avançou pela direita e cruzou na área. A bola sobrou para Rafinha, que dominou e bateu rasteiro, colocado, no canto esquerdo de Caíque França para abrir o placar.

O Oeste tentou responder, mas não oferecia grande perigo ao gol de Darley. O Pantera quase ampliou com Wellington Tanque. Aos 35 minutos, o camisa 9 aproveitou chutão de Robson e finalizou. Caíque França fez a defesa.

Sem forças para empatar, time da casa ainda terminou o duelo com um jogador a menos. Aos 43 minutos, Cauã deu um carrinho por trás em Luketa e recebeu cartão vermelho.

Na próxima rodada, o Oeste enfrenta o Figueirense, sexta-feira (2), às 16h30, no Orlando Scarpelli. O Botafogo-SP recebe o Paraná no mesmo dia, às 21h30, no Estádio Santa Cruz.

Edição: Fábio Massalli

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

CSA, Avaí e Juventude vencem na Série B do Brasileirão

Publicado

por


Três partidas abriram a 12ª rodada da Série B do Campeonato no início desta terça (29) à noite. O visitante vencedor foi o CSA, que enfrentou o Vitória em Salvador e ganhou por 1 a 0.

No clássico catarinense entre Avaí e Figueirense, no estádio da Ressacada, melhor para os anfitriões que também venceram por 1 a 0.  Em Caxias do Sul, o Juventude superou por 1 a 0 o Operário-PR.

 

No Barradão, os alagoanos surpreenderam os donos da casa. Aos 14 minutos do primeiro tempo, Paulo Sergio recebeu livre dentro da área e mesmo desequilibrado, conseguiu marcar o gol da vitória. Foi o terceiro triunfo consecutivo do CSA que chegou a 13 pontos e já respira próximo do meio da tabela.

Em Santa Catarina, o clássico local começou com poucas emoções. Na segunda etapa, o Avaí passou a criar mais, porém, finalizava sem precisão, errando muitos chutes em direção à meta do Figueirense. O jogo caminhava para o empate, quando aos 42 minutos, Gáston Rodriguez acertou o gol. O zagueiro Alemão perdeu a cabeça e foi expulso, por pouco o jogador não agride o árbitro.

No Alfredo Jaconi, o time da casa sofreu, mas também levou a melhor. Aos 18 minutos do segundo tempo, Dalberto recebeu cruzamento pela esquerda e com um toque colocado venceu o goleiro Thiago Braga. O resultado levou provisoriamente os gaúchos ao G-4 com 19 pontos.

 

Edição: Liliane Farias

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana