Três Lagoas-MS

  Últimas
Edição extra do Diário Oficial traz editais do processo seletivo para contratação de médico plantonista
Polícia Militar Ambiental de Bataguassu autua jovem de 21 anos em R$ 5 mil por manter papagaio ilegalmente em cativeiro
SES discute com Ministério da Justiça Operação de Distribuição Nacional de Vacina
Municípios de MS já estão cadastrados nos sistemas de vacinação do Ministério da Saúde
Polícia Militar Ambiental captura tamanduá-bandeira em cima de muro de clube de Amambai, o segundo do dia dentro de área urbana no Estado
Prefeitura Municipal de Três Lagoas divulga calendário de feriados e pontos facultativos em 2021
Prefeitura de Três Lagoas dá início a recapeamento da Rua Yamaguti
Polícia Militar Ambiental de Aparecida do Taboado autua empresa mato-grossense em R$ 15 mil por derramamento de cerca de 22 mil litros de combustível
BOLETIM COVID-19: Três Lagoas tem 53 novos casos positivos nesta sexta-feira (15) e chega a 1.294 ativos
Eldorado Brasil oferece mais de 800 vagas para início imediato
Vestibular da UEMS está com inscrições abertas até dia 24
Juventude encerra participação no Brasileiro de Aspirantes
Inter segue sequência na preparação para enfrentar o Fortaleza
Avaí treina e viaja à Maceió para confronto com CSA
Polícia Militar em Jardim recupera motocicleta furtada e aprende adolescente em flagrante
Polícia Militar Ambiental de Miranda captura tamanduá-bandeira residência no centro da cidade, o terceiro em 15 dias
Com estoque crítico, Hemosul convoca doadores de O- e outros tipos sanguíneos
Everton recebe homenagem por 200 jogos pelo Confiança
Nathan espera ter boa sequência na reta final do Brasileirão
Fluminense perde em Goiânia e está eliminado do Aspirantes
Comandante do 4º BPM se reúne com Comandante de área da Polícia Nacional do Paraguay, responsável pelo Departamento de Amambay
Com estoque em 14%, Hemosul convoca doadores de O- e outras tipagens sanguíneas
MS chega à metade de janeiro com 272 mortes por Covid-19
Sampaio Corrêa realiza treino antes de enfrentar o Paraná
São Paulo | Sub-17 abre semifinais da Copa do Brasil
Em Aquidauana, motorista embriagado é preso em flagrante pela Polícia Militar
Polícia Militar prende homem por cometer importunação sexual contra mulheres em Aparecida do Taboado
Polícia Militar recupera carro roubado em Aparecida do Taboado
Polícia Militar prende dois traficantes de cocaína em Aparecida do Taboado
Servidor divide o seu tempo entre o jornalismo e a composição de músicas
Next
Prev

Suzano

Suzano estreita laços com universidades e futuros profissionais de Três Lagoas

Publicado

Programa de Embaixadores Suzano tem como objetivo contribuir para a formação de jovens estudantes

A

 Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, deu início ao projeto batizado de Programa de Embaixadores com o objetivo de fortalecer o relacionamento com instituições de ensino superior e técnico em Três Lagoas (MS). A iniciativa visa engajar estagiários da empresa a promoverem um canal de aproximação entre a empresa e colegas da universidade, além de contribuir para a formação desses futuros profissionais.

“A Suzano acredita que o desenvolvimento socioeconômico de uma comunidade está ligado à formação e valorização de seus jovens talentos. O objetivo do programa é levar um pouco da Suzano, como ela atua, o que move e inspira a empresa para dentro das universidades. Com isso, além nos tornarmos mais próximos desses futuros profissionais, conseguimos trocar experiências e conhecimentos. Esta é mais uma das formas de gerar e compartilhar valor, um dos direcionadores da Suzano”, destaca Angela Aparecida dos Santos, gerente de Gente e Gestão da Suzano em Mato Grosso do Sul.

Com a participação voluntária de 58 estagiários em todas as unidades, sendo 4 deles da Unidade Três Lagoas, foram promovidas, ao longo de 2020, palestras virtuais e encontros remotos (em decorrência da Covid-19), que colocaram os estudantes em contato com a vivência dos profissionais da companhia.

“Até o momento, todos os números superaram as nossas expectativas. Somente no ano passado, o Programa de Embaixadores conseguiu atingir 1,3 mil pessoas com palestras e encontros pela internet. Os retornos também estão sendo positivos. Mais jovens profissionais estão se interessando pela companhia por entender a cultura da empresa, os valores que ela defende e compartilha. Isso é muito positivo. Em contrapartida, também estamos colaborando para a formação e a descoberta de novos talentos dos estagiários”, completa Angela.

Motivação

De acordo com Thiago Raniel, coordenador do curso de Engenharia Elétrica da Aems, a parceria com empresas como a Suzano tem sido de extrema importância para estimular os estudantes a melhor se preparem para o mercado de trabalho. “Ações como esta da Suzano incentivam o aluno a buscar mais conhecimento e novas oportunidades.  É mostrar que há mercado para aqueles que se destacam e que se esforçam. A vivência no trabalho é outra, diferente de uma sala de aula e ainda contribui para que eles busquem estágios, que, além da experiência, é um destaque a mais na hora de ingressar no mercado de trabalho”, reforça.

No último bimestre de 2020, a Suzano participou da Semana Acadêmica Integrada dos cursos de Engenharia Elétrica e Engenharia da Computação da Aems. Na ocasião, o engenheiro Eletricista Glauber Souza da Silva, consultor de Instrumentação da empresa, ministrou palestra online a Indústria 4.0 para estudantes, professores e convidados.

“Devido à pandemia, a Semana Acadêmica foi totalmente remota, por meio de webinar, com vários parceiros, entre eles a Suzano. O nosso objetivo foi mostrar um pouco do mercado de trabalho existente, perfil profissional e áreas de atuação, e contribuir para que os acadêmicos entendam um pouco do processo industrial. Além disso, o Glauber é formado pela Aems, ou seja, os alunos poderão ver que é possível conseguir uma colocação no mercado de trabalho, isso os motiva muito”, completa o coordenador do curso.

Sobre a Suzano

A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Comentários Facebook

Emprego

Suzano abre inscrições para processo seletivo Três Lagoas

Publicado

Disponíveis na página de oportunidades da empresa, as inscrições estão abertas a todas as pessoas interessadas, sem distinção de gênero, idade, etnia, raça, deficiência ou orientação sexual

A

Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, está em processo seletivo para os cargos de Analista de Manutenção Florestal e Consultor(a) de Operações Florestais, em Três Lagoas (MS). As inscrições estão abertas a todas as pessoas interessadas, sem discriminação de gênero, idade, etnia, raça, deficiência ou orientação sexual.

Para concorrer a vagas de Analista de Manutenção Florestal, as pessoas interessadas devem atender aos seguintes pré-requisitos: ter curso superior completo – de preferência em áreas como Engenharia Mecânica, de Produção, Controle e Automação ou em Análise e Desenvolvimento de Sistemas -; conhecimento técnico de manutenção (máquinas florestais, tratores, caminhões, etc); domínio do pacote Office (em especial Excel e Power BI) e que tenha capacidade analítica, proatividade e senso de liderança. Experiências com ferramentas de planejamento e SAP (Sistemas de Gestão) são considerados diferenciais para a vaga.

Já para a função de Consultor(a) de Operações Florestais I, os pré-requisitos para participar do processo seletivo, são: ser formado em Engenharia Florestal, Agronomia ou similares; ter conhecimento de legislações, operação e os equipamentos florestais; boa atuação em projetos, controles e indicadores e que tenha vivência no setor florestal, agrícola ou similares.

Inscrições

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pelo endereço eletrônico https://jobs.kenoby.com/Suzano. Na Página de Oportunidades da Suzano, os interessados irão encontrar vagas abertas em Três Lagoas e em todas as unidades da empresa no País, podendo ainda se cadastrar no Banco de Talentos da empresa.

Para mais informações sobre o cargo e os benefícios oferecidos pela empresa, os interessados em participar do processo seletivo para Analista de Manutenção Florestal, devem se inscrever por meio do link https://jobs.kenoby.com/Suzano/job/analista-manutencao-florestal-pl/5ff71f6eef53301392b0f8b7?utm_source=website. O prazo de inscrições é até o dia 17 deste mês.

Já para a vaga de Consultor de Operações Florestais I, o candidato ou candidata interessado deve se inscrever por meio do link https://jobs.kenoby.com/Suzano/job/consultor-operacoes-florestais-i/5fc56fc205e9e464f9594c36?utm_source=website. As inscrições seguem abertas até quinta-feira, dia 14.

Comentários Facebook
Continue lendo

Suzano

Com movimentação estimada em R$ 481 milhões, Suzano colabora para o fomento da economia local

Publicado

Aproximadamente 30% das compras da empresa são feitas com empresas de Três Lagoas e região, índice que se manteve durante a pandemia

A

 Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, manteve seu compromisso com o desenvolvimento social das comunidades em que atua e fechou o ano de 2020 com a movimentação de R$ 481 milhões com a aquisição de bens e serviços na economia de Mato Grosso do Sul.

A estimativa do Programa de Fornecedores da empresa corresponde a um acréscimo de R$ 4 milhões em comparação a 2019, quando foram movimentados cerca de R$ 477 milhões em compras de micro e pequenas empresas locais, mesmo diante de um cenário de pandemia.

“A Suzano acredita no fortalecimento dessa cadeia de valor localmente. Faz parte dos nossos valores promover o desenvolvimento social nas regiões onde atua e, por isso, buscamos priorizar micro e pequenas empresas regionais, o que se manteve durante o período de pandemia do novo coronavírus Tivemos várias frentes de atuação voltadas para a manutenção da sustentabilidade local diante da pandemia, entre elas ações que incluíram nossos fornecedores”, destaca Gustavo Salvador, coordenador de Suprimentos da Suzano.

Dentre as ações adotadas pela empresa para o fortalecimento da economia local e colaborar com a redução dos impactos gerados pela pandemia, estão: ações de antecipação de valores de pedidos de compra e a manutenção dos pagamentos de empresas terceiras.

Atualmente, cerca de 30% das aquisições de bens e serviços da Suzano são de fornecedoras locais, boa parte delas, micro e pequenas empresas. Neste ano, 70 empresas da região forneceram bens e serviços para a Unidade de Três Lagoas. Somando os dois últimos anos, foram quase R$ 1 bilhão em negócios firmados com fornecedores de Três Lagoas e região, R$ 958 milhões, o que corresponde a uma média de R$ 39,9 milhões ao mês em negócios com empresários regionais.

Qualificação

Desde que iniciou suas operações em Mato Grosso do Sul, a Suzano tem sido uma das empresas-âncoras parceiras do PQF (Programa de Qualificação de Fornecedores), do IEL (Instituto Euvaldo Lodi), que visa a qualificação e certificação de micro e pequenas empresas para que possam fornecer à grandes indústrias.

“Para a Suzano é importante ter fornecedores locais preparados para atender as demandas e necessidades de grandes indústrias. Além disso, um fornecedor forte consegue gerar renda e empregos. Esses novos colaboradores têm maior chance de se qualificarem, o que gera uma mão de obra também forte. É um círculo virtuoso muito positivo para todos em que a região está cada vez mais desenvolvida e forte economicamente. E é isso que a Suzano busca. Afinal, ‘Só é bom para nós, se for bom para o mundo’, completa Salvador.

Entre os participantes do PQF, está Marco Antonio Barbosa, da Otino Empreiteira de Três Lagoas, acompanhou a evolução gerada pelo programa na empresa. “O que acontece é que precisamos evoluir sempre. E um programa como o PQF não pode ser visto como um gato, mas como um investimento feito pela empresa, que trará grande retorno em diversos setores. A Otino participa do PQF há sete anos e não temos intenção de parar. A empresa começou com 10 funcionários e hoje são 55”, completa, que faz parte do Programa de fornecedores da Suzano.

Desde que iniciado, o PQF colaborou para a qualificação de mais de 456 e certificou 279 micro e pequenas empresas da região. Em outubro deste ano, o PQF certificou mais 41 empresas da região em uma ação inédita. Por conta da pandemia, toda a auditoria foi retoma, com o apoio de 16 auditores fiscais disponibilizados pela Suzano.

Atualmente, 135 empresas certificadas pelo PQF estão na base de fornecimento da Suzano.

Sobre a Suzano

A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana