TRÊS LAGOAS MS
  Últimas
Tite convoca Léo Ortiz para jogos da seleção brasileira em junho
Barbosinha pede por pavimentação e veículos para Saúde no interior
CUIDADO – Parte da Avenida Rosário Congro será interditada devido obra de pavimentação no Bairro Quinta da Lagoa
Polícia Militar de Coxim apreende mais de meia tonelada de cocaína e pasta base avaliada em 40 milhões
PMA e Bombeiros de Campo Grande resgatam três capivaras de cisternas no bairro Aerorrancho
Polícia Militar recaptura dois foragidos da justiça no Vale do Ivinhema
Ordem do Dia: PL que reconhece risco à atividade de atirador vai à Redação Final
Saúde apresenta 72 casos suspeitos de dengue nesta semana em Três Lagoas
Fundesporte publica relação de inscrições deferidas e indeferidas no Bolsa Atleta e Bolsa Técnico 2022-2023
Projeto Estudantes no Controle encerra primeira etapa
Começa nesta terça mais uma edição dos Jogos Escolares da Juventude do MS
Governador sanciona lei que prevê divulgação do Ligue 180 em faturas de serviços essenciais
Deputados debatem terceirização dos serviços de segurança patrimonial
MAIO LARANJA – SMAS realiza panfletagem para orienta sobre de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
PRF apreende 211 Kg de pasta base e cloridrato de cocaína em Miranda (MS)
Polícia Militar recupera veículo em menos de 24h do registro de furto
Semana dos Museus começa com palestra sobre o poder dessas instituições na sociedade contemporânea
Maio da Diversidade: Unidades penais recebem ações voltadas ao público LGBT
Timão faz último treino antes de encarar Boca Juniors
Com Wesley, Verdão inicia preparação para enfrentar o Emelec no Allianz Parque
Flamengo encerra a preparação para o duelo contra o Universidad Católica, pela Libertadores
Fora de casa, Grêmio empata em 1 a 1 com Ituano, pelo Brasileirão
Câmara sedia audiência pública sobre terceiro setor
PRF apreende 1,6 tonelada de maconha e recupera caminhonete em Guia Lopes da Laguna (MS)
Avenida Rosário Congro passa a contar com iluminação em LED
MS já o Estado que mais investe em bolsas de pesquisas em ciência e tecnologia
Lei: Óticas são classificadas como essenciais em períodos de calamidade pública
Lei: Faturas de serviços divulgarão Ligue 180 contra violência à mulher
Lei: MS passa a ter Semana da Conscientização sobre a Esquizofrenia
Lei: Dia do Repórter Fotográfico é instituído em MS
Next
Prev

Mato Grosso do Sul

Programa do Estado vai ajudar morador da Capital construir a casa própria

Publicado


O programa “Lote Urbanizado – Terreno do Cidadão”, que vai ajudar moradores de Campo Grande a construir a casa própria, recebe inscrições até a próxima segunda-feira (31). Interessados podem mandar os dados por meio do site da Agehab (Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul): www.agehab.ms.gov.br.

Lançado em 2021, o programa vai construir 100 bases habitacionais para quem tem terreno na Capital, mas não possui condições de bancar todos os custos da construção de um imóvel.

Pelo programa, que sela parceria entre o Governo do Estado e o cidadão, a Agehab fará a construção da base de uma residência de dois quartos, sala/cozinha e banheiro. Serão 42,56 m² de área construída, constituída de fundação, contrapiso e primeira fiada em alvenaria, além de instalações hidráulicas e sanitárias enterradas.

Já o dono do terreno terá que construir as paredes e o telhado do imóvel, além de preparar a área para a instalação da base.

“A Agehab vai oferecer assistência técnica para auxiliar o beneficiário, tanto na construção do imóvel quanto na documentação. E uma equipe formada por arquiteto e engenheiro vai acompanhar a fase de obras”, destacou a coordenadora de planejamento da Agehab, Teresa Rojas Soto.

Quem quiser participar do programa deve atender alguns critérios, como ter renda máxima de até R$ 4.685,00 e possuir terreno com matrícula em nome próprio, ou contrato de compra e venda da área.

As inscrições também podem ser feitas na rede de atendimento Fácil, nas unidades General Osório e Guaicurus, das 8h às 16h, até 31 de janeiro.

Bruno Chaves, Subcom
Foto: Arquivo

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook

Mato Grosso do Sul

Fundesporte publica relação de inscrições deferidas e indeferidas no Bolsa Atleta e Bolsa Técnico 2022-2023

Publicado

por

A Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta terça-feira (17), a relação dos candidatos com inscrição deferida e indeferida no Bolsa Atleta e Bolsa Técnico 2022-2023. A lista completa com os nomes está disponível em anexo publicado no Diário Oficial do Estado (clique aqui para acessar).

Os candidatos indeferidos interessados em recorrer da decisão têm o prazo de cinco dias úteis a contar da data da publicação no Diário Oficial, ou seja, até terça-feira (24) da semana que vem, às 23h59. O pedido de recurso deve ser protocolado presencialmente na sede da Fundesporte, na Avenida Mato Grosso, 5778 (Bloco 4), Parque dos Poderes, em Campo Grande (MS), CEP: 79.031-001 – ou via e-mail para [email protected] em formato PDF.

O recurso pode ser apresentado também por meio postal (Sedex com AR), para o endereço citado acima. A data da postagem não poderá ultrapassar o prazo estabelecido para recurso. O destinatário deve ser: Fundação de Desporto e Lazer de MS – FUNDESPORTE (COGEB). O modelo de declaração de recurso está disponível no site, neste link.

Vale ressaltar que esta não é a relação de aprovados para receber o benefício. Trata-se apenas da listagem com as inscrições aceitas e não aceitas, isto é, que apresentaram documentação correta ou não, conforme os requisitos para a concessão da Bolsa.

Ao todo, o programa contemplará 346 atletas e 34 técnicos nesta edição, com recursos mensais de R$ 327.000,00 e R$ 3,9 milhões somando-se todos os pagamentos (12 meses). Os valores das bolsas por mês variam de R$ 500,00 a R$ 1.500,00. Os recursos são provenientes do Fundo de Investimentos Esportivos (FIE/MS).

As oito categorias do Bolsa Atleta estão divididas da seguinte forma: Estudantil (121 bolsas de R$ 500), Universitário (15 de R$ 950), Nacional (134 de R$ 950), Nacional Paralímpico (28 de R$ 950), Máster (11 de R$ 950), Pódio Complementar (11 de R$ 1.200), Pódio Complementar Paralímpico (13 de R$ 1.200) e Internacional (13 de R$ 1.200). O Bolsa Técnico tem duas categorias: Técnico I (15 bolsas de R$ 1.000) e Técnico II (19 de R$ 1.500).

O programa de auxílio financeiro do Governo do Estado objetiva garantir condições aos atletas de alto rendimento, para que se dediquem ao treinamento desportivo e representem Mato Grosso do Sul em competições nacionais e internacionais, além de valorizar o profissional responsável pela formação e desenvolvimento de atletas.

Serviço

A Fundesporte criou um canal de comunicação para mais informações e esclarecimento de dúvidas. Basta entrar em contato pelo telefone (67) 3323-7225 ou adicionar este número e mandar uma mensagem pelo WhatsApp.

Links úteis:

Deferidos e indeferidos – Bolsa Atleta e Técnico 2022-2023

Modelos de declarações e formulários

Lucas Castro – Fundesporte
Foto: Saul Schramm/Arquivo

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso do Sul

Projeto Estudantes no Controle encerra primeira etapa

Publicado

por

A primeira etapa do projeto Estudantes no Controle termina nesta terça-feira (17). Devido as agendas dos professores orientadores participantes, em vez da Oficina Preparatória ter ocorrido somente nos dias 10 e 12, a programação foi alterada para os dias 10, 13 e 17 de maio nas modalidades on-line e presencial, no auditório do prédio da Controladoria-Geral do Estado de Mato Grosso do Sul (CGE-MS).

Atenção do professor Marcos Vinícius durante a Oficina Preparatória

Ao todo foram inscritas 37 escolas da Rede Estadual de Ensino localizadas nos municípios de Campo Grande, Jaraguari, Terenos e Sidrolândia. Esta primeira etapa é eliminatória, ou seja, se não houver nenhum representante da unidade escolar participando na Oficina Preparatória, o estabelecimento é desclassificado.

Sem correr este risco, a EE Professor Silvio Oliveira dos Santos garantiu sua permanência com a presença do professor de Geografia Marcos Vinícius Costa. Para ele, este é um momento interessante de integrar ainda mais os alunos após o período de pandemia.

“O projeto é uma boa oportunidade de desenvolvimento para os alunos e toda a comunidade escolar. Estou aqui para captar as informações mais detalhadas e entender melhor para multiplicar com os estudantes e garantir nossa participação”, afirmou.

Os professores Carla Ferezin (Sociologia) e Kevin Franco dos Santos (História), da EE Maestro Frederico Liebermann, também participaram e revelaram que já estão com algumas ideias engatilhadas para aplicarem no projeto.

Os professores Carla Ferezin e Kevin Franco estão na expectativa com o desafio

“É muito interessante esta questão de promoção do cidadão, traz maior conhecimento para os estudantes… já mapeamos e sondamos alguns alunos para integrarem a equipe”, revelou Carla; enquanto seu colega de trabalho acrescenta: “Estamos bastante entusiasmados com a nossa participação”, disse.

O Estudantes no Controle tem o objetivo geral de promover a cidadania fiscal e a participação social, estimulando o reforço de valores éticos universais, fundamentais no enfrentamento da corrupção, por meio de ações práticas de exercício de cidadania ativa, para que os participantes assumam uma postura de protagonismo na escola, que se expressa no compromisso com a conservação do patrimônio público (levando à reflexão-ação sobre problemas, causas e soluções no contexto escolar) e com a disseminação de conhecimentos e práticas de participação e controle social nas suas comunidades.  Além da CGE-MS, o Projeto conta com a parceria da Secretaria de Estado de Educação (SED).

Oficina Preparatória

Nesta etapa, a equipe da Ouvidoria-Geral do Estado, da CGE-MS, que está à frente da coordenação do Projeto, tem a missão de apresentar e esclarecer os conceitos e a metodologia para a realização de todas as atividades previstas. Mais informações, acesse o edital.

Após a Oficina, as unidades escolares terão sete dias úteis para a formação e cadastramento no sistema dos integrantes que participarão do Estudantes no Controle. A formação do time é pré-requisito para a continuidade da escola nas etapas seguintes:

  • Presença na apresentação da peça teatral “O Auto da Barca da Cidadania”;
  • Realização da Auditoria Cívica;
  • Execução coletiva do Desafio;
  • Divulgação da Tarefa Especial que este ano tratará da divulgação, no âmbito da comunidade escolar, das Cartas de Serviços, disponibilizadas pelo Poder Executivo Estadual nos sites das secretarias, autarquias e fundações ou diretamente no site www.cartasdeservicos.ms.gov.br.

Texto e fotos: Karla Tatiane
Arte: Karenini Komiyama

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana