Três Lagoas-MS

  Últimas
PMA de Coxim autua infrator por desmatamento ilegal de 3 hectares de vegetação nativa para formação de pastagem em sua propriedade em Alcinópolis
“Futsal é alternativa para colocar MS no cenário nacional”, afirma Herculano
Prosseguir: MS tem 31 municípios na bandeira vermelha, incluindo a Capital
Em apenas 24 horas, MS registra mais de mil novos casos de coronavírus
Projeto do Estado que destina recursos não resgatados do Nota Premiada para habitação é aprovado na Assembleia
Com Danilo e Henri, Palmeiras treina na Academia antes de viagem a Belo Horizonte-MG
Matéria prevê validade indeterminada a laudo médico que comprove condição autista
Projeto atualiza objetivos da campanha da Semana Estadual do Leite
Diretor comenta processo de escolha do novo treinador
Flamengo realiza mais um treino visando confronto decisivo contra o São Paulo
Projeto de Lei complementa normas estaduais de combate à corrupção
Presidente eleito destaca missão e desafios no comando da CCJR
Polícia Militar é acionada, e prende foragido da justiça que apresentou informações falsas em condomínio de luxo em Três Lagoas
Polícia Militar Ambiental de Mundo Novo captura serpente peçonhenta da espécie cascavel de cerca de 1,5 metro dentro de uma residência
Polícia Militar prende autores em flagrante por furtar energia do vizinho em Coxim
Antônio João: Investimento em esgotamento sanitário foi de R$ 4,2 milhões
Ordem do Dia: Sanção por descumprir ordem de vacinação da Covid-19 é aprovada
Polícia Militar do 8ºBPM prende dois irmãos por receptação em Batayporã
Polícia Militar recupera veículo roubado em Três Lagoas. Vítima foi mantida em cárcere privado e sofreu tentativa de estupro
Bicampeonato da Copa do Brasil veio em 1994 contra o Ceará
Com novidades, equipe coxa-branca se prepara para a última rodada do Brasileiro
Internacional trabalha forte mirando duelo com Corinthians
Duas ruas de Três Lagoas passam a ter sentido único a partir de hoje (24)
Polícia Militar apreende mercadorias ilegais em Ponta Porã
Polícia Militar prende autor de furto no bairro Lapa em Três Lagoas
Operação Hórus – Em Itaquiraí, Polícia Militar apreende 81.250 pacotes de cigarros contrabandeados
Polícia Militar prende homem com simulacro quando tentava entrar em Fórum de Coxim
Em Miranda, Polícia Militar recupera duas motocicletas que foram furtadas em Campo Grande
Polícia Militar de Rio Verde é homenageada pela câmara municipal com moção de congratulação
Polícia Militar de Sanga Puitã apreende mercadorias ilegais
Next
Prev

Policial

Polícia Militar Ambiental de Três Lagoas autua paulista por pesca ilegal no lago da usina de Jupiá e apreende pescado e material de pesca

Publicado


Campo Grande (MS) – Equipes da PMA de Três Lagoas precisam manter a fiscalização efetiva no lago da Usina de Jupiá, tendo em vista, que nos lagos das usinas do rio Paraná, a pesca é permita durante a piracema para captura de peixes alóctones (introduzidos na bacia) com limite de cota de 10 kg e um exemplar para o pescador amador. Dessa forma, há a necessidade de fiscalização intensificada, para evitar o abate de peixes nativos, o que é crime neste período de defeso.

Ontem (21) no final da tarde, uma equipe que fiscalizava o lago da usina de Jupiá autuou um pescador amador, de 40 anos, residente em Itapura (SP) por pesca ilegal. Ele pescava embarcado e, apesar de não estar pescando de forma predatória, pois só havia capturado peixes da espécie tucunaré, o pescador não possuía a licença ambiental de pesca. O autuado havia capturado três peixes da espécie tucunaré, que foram apreendidos com duas carretilhas com varas utilizadas na pescaria ilegal.

O pescador foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 700,00. A pesca sem licença não é crime ambiental. Trata-se apenas de infração administrativa. Pagando a multa, o infrator poderá ter o material apreendido restituído.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Publicado por: Ednilson Paulino Queiroz

Fonte: PM MS

Comentários Facebook

Policial

PMA de Coxim autua infrator por desmatamento ilegal de 3 hectares de vegetação nativa para formação de pastagem em sua propriedade em Alcinópolis

Publicado

por


Campo Grande (MS) – Policiais Militares Ambientais de Coxim autuaram o proprietário de uma fazenda no município de Alcinópolis, localizado a 65 km desta cidade, por desmatamento de vegetação nativa de cerrado, sem autorização ambiental, para formação de pastagem. No local, com uso de máquinas, tinham sido desmatados 2,76 hectares de vegetação, medidos com GPS, com derrubada de árvores de grande, várias que ainda estavam em leiras no local.

O proprietário da fazenda apresentou uma Autorização Ambiental Eletrônica (AAE) do órgão ambiental estadual para limpeza de pastagem, que não serve para aquela formação vegetal de grande porte, para a qual devia haver realmente uma licença normal de desmatamento.

A licença de limpeza de pastagem só permite a derrubada de arbustos, com diâmetro abaixo de 32 centímetros na altura do peito (Circunferência a altura do Peito – CAP, que é considerada a 1,30 metros de altura da vegetação). Essas licenças são retiradas online no site do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (IMASUL), para facilitação aos proprietários rurais, em razão de serem atividades de baixo impacto, porém, alguns proprietários aproveitam para realizar desmatamentos e tentam justificar com essas autorizações.

As atividades foram interditadas e o infrator (21), residente em Alcinópolis, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 2.760,00. Ele também responderá por crime ambiental com pena de três a seis meses de detenção. Ele também foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Publicado por: Ednilson Paulino Queiroz

Fonte: PM MS

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Militar é acionada, e prende foragido da justiça que apresentou informações falsas em condomínio de luxo em Três Lagoas

Publicado

por


TRÊS LAGOAS (MS) – Na manhã desta quarta-feira (24/02), um trabalhador da construção civil de 33 anos foi preso em condomínio de luxo.

Durante cadastro de trabalhadores da construção civil para acessarem o Condomínio Portal das Águas, um homem informou dados pessoais contraditórios. Um Funcionário responsável pelo cadastro suspeitou das informações serem falsas e solicitou a presença da Polícia Militar.

No local, os militares da Força Tática realizaram consulta do nome apresentado no banco de dados e verificou que o homem havia informado data de nascimento errada e números de documento (RG) inexistente, e ainda constataram que o indivíduo era foragido da justiça, havendo contra si um Mandado de Prisão.

Logo, com auxílio da equipe de segurança interna do condomínio, os policiais deslocaram até a obra e nos termos do cumprimento do respectivo Mandado de Prisão, realizaram a prisão do acusado que foi conduzido e apresentado na delegacia de polícia onde permanecerá a disposição da justiça.

 

POLÍCIA MILITAR. Nossa presença, sua segurança!

Publicado por: Assessoria de Comunicação Social do 2º BPM

Fonte: PM MS

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana