TRÊS LAGOAS-MS
  Últimas
Goias vence jogo treino no CT
Flamengo treina em período integral nesta quarta-feira (19), no Ninho do Urubu
Castração de cães e gatos machos e outros serviços voltam a partir de segunda-feira (24)
Saúde alerta que cuidados para prevenir a contaminação por Covid-19 e Influenza A são os mesmos
Oportunidade: Funtrab ainda tem vagas para indígenas trabalharem nas lavouras de maçãs
Detran-MS alerta sobre golpes para extrair documentos em nome do CNH Social
Polícia Militar prende homem por receptação em Batayporã
Corinthians vence jogo-treino diante do Audax
Com golaço de Ângelo, Santos FC vence São Caetano por 4 a 3 em jogo-treino no CT Rei Pelé
Covid-19: Pequim aumenta vigilância com alta de casos antes dos Jogos
Palmeiras é eleito o melhor do mundo, título inédito para o país
Fiscalização “De Olho no Coronavírus” volta à ativa e abre ações com panfletagem na área central de Três Lagoas
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande resgata filhotes de maritaca que caíram do ninho
Polícia Militar prende jovem por direção perigosa em Nova Andradina
Polícia Militar conduz para a delegacia três pessoas por violência doméstica no Vale do Ivinhema
Desfile das Escolas de Samba de Campo Grande é adiado para abril
Com golaço de bicicleta Verdão goleia o Oeste e avança as semis da copinha
Tricolor elimina Cruzeiro e agora tem Choque-Rei nas semifinais da Copinha
TV ALEMS estreia Restrospectiva 2021 na programação
Detran/MS alerta: Ainda dá tempo de quitar o seu IPVA com desconto de 15%
SAD divulga inscrições deferidas e indeferidas em processo seletivo da SES/Agepen
Primeira capacitação do ano sobre Lei de Proteção de Dados Pessoais atende servidores da MSGÁS
POLÍCIA MILITAR, ATRAVÉS DA 10ª CIPM, PRENDE HOMEM COM MANDADO DE PRISÃO
Com aumento de casos, 56 das 79 cidades do Estado tiveram novos registros de covid-19
Polícia Militar, em ação conjunta com a PRF, realiza a prisão, em Paranaíba, de um homem de 26 anos que se encontrava foragido do sistema prisional
Polícia Militar prende autor de violação de domicílio em Paranaíba
SEJUVEL suspende realização “Mais Lazer nas Comunidades” no Jupiá no próximo sábado (22)
SEMEC informa que neste ano Kit Escolar será distribuído aos estudantes semestralmente
UM ANO DE ESPERANÇA – Vacinação contra a Covid-19 completa um ano em Três Lagoas
Concurso da Prefeitura de Três Lagoas têm 15.969 inscrições
Next
Prev

Brasilândia

Operação Hórus/MS: 2º Batalhão de Polícia Militar apreende 31 quilos de Crack em Brasilândia

Publicado

Durante a Operação Hórus, desencadeada pela SEJUSP/MS e pela Secretaria Nacional de Operações Integradas (SEOPI) do Ministério de Justiça e Segurança Pública, uma guarnição Policial Militar do 2º Batalhão fez apreensão de 31 quilos de drogas em Brasilândia – MS.

A apreensão ocorreu nesta sexta-feira, por volta das 23h30min, quando em fiscalização na BR 395, zona rural do município de Brasilândia, os policiais militares realizaram abordagem de um veículo VW/T CROSS CL TSI AD, de cor azul, e placas de identificação REY2J38, de Campo Grande – MS. Ao ser iniciado a abordagem policial, o condutor arrancou bruscamente com o veículo se evadindo da abordagem em alta velocidade, sendo iniciado o acompanhamento tático pela guarnição que o acompanhou por várias ruas da cidade de Brasilândia, momento que o condutor adentrou em uma via sem saída já na área rural, abandou o veículo e fugiu adentrando uma região de mata na fazenda.

Em vistoria no veículo os policiais localizaram em 01 mochila contendo 30 “tabletes” de Crack totalizando 31,05 quilos, sendo o veículo e as drogas apreendidos e entregues na delegacia de polícia juntamente com os documentos pessoais que o condutor esqueceu no interior do veículo, durante a fuga.

Assessoria de Comunicação Social do 2º BPM

Denuncie!  O cidadão pode colaborar com a Polícia Militar de Três Lagoas, em caso de EMERGÊNCIA ligue para o 190 (gratuito) ou 3919-9736. Denúncias use o aplicativo WhatsApp 3919-9700. Não precisa se identificar!

Comentários Facebook

Brasilândia

Tragédia em Brasilândia/MS, raio mata jovem e deixa dois feridos em estado grave

Publicado

Um jovem faleceu no final da tarde desta sexta-feira (14) de janeiro, após receber a descarga elétrica provocada por um raio, em uma fazenda localizada as margens da MS-395, entre Bataguassu e Brasilândia.

Segundo as primeiras informações obtidas pelo Da Hora Bataguassu, o jovem identificado apenas como Marcos Daniel, conhecido como Zebrinha, de 21 anos, estava com outros funcionários em um mangueiro de gado, momento que um raio teria caído, atingindo o jovem e outras três pessoas, que também receberam a descarga elétrica.

Marcos acabou não resistindo e veio a óbito na hora, já os outros dois trabalhadores foram encaminhados ao Hospital na cidade de Brasilândia, onde passaram por avaliação médica, um recebeu atendimento médico e posteriormente liberado, já outro homem e seu filho, se encontram em estado grave e deverão ser transferidos para outra unidade hospitalar.

Em contato com o delegado plantonista da Delegacia de Brasilândia, equipes da Policia Civil de Brasilândia estão realizando os levantamentos de informações a respeito do ocorrido. Peritos do Núcleo de Perícia de Três Lagoas também estão realizando os levantamentos de praxe.

Marcos Daniel, é amigo dos moradores de Arapuá, dos irmãos Lucas e Milena Amaro e de William Moura da Silva, que estão em Brasilândia, a espera do corpo do amigo, que será velado a partir das 13h deste sábado (15), no velório Municipal de Brasilândia.

Assista a boiada que passou pelo Distrito de Arapuá no dia 17 de dezembro de 2021, em que Marcos estava conduzindo, juntamente com os amigos do estradão e do Distrito de Arapuá.

Nós do ArapuáNews deixamos nossas condolências, aos amigos e familiares, nesse momento tão triste, com a partida de um jovem.

Várias homenagens estão sendo postadas na rede social de Marcos.

Com informações de Tiago Apolinário –  Da Hora Bataguassu

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasilândia

Mãe que matou a própria filha em Brasilândia é condenada a 39 anos de prisão

Publicado

O juiz da 1ª Vara Criminal de Três Lagoas, Rodrigo Pedrini Marcos, marcou para hoje (12) a partir das 8 horas, o júri de Emileide Magalhães de 31 anos, acusada de estrangular e enterrar a filha Gabriely Magalhães de Souza de 10 anos, viva de cabeça para baixo em Brasilândia/MS, município de 11 mil habitantes,  distante 65 quilômetros de Três Lagoas, o crime ocorreu em março de 2020.

O julgamento foi realizado no Fórum de Três Lagoas/MS, um pedido da defesa, devido a comoção que o caso gerou no Município de Brasilândia/MS.

O julgamento teve início as 08h, com alguns esclarecimentos feitos pelo Juiz Presidente Dr. Rodrigo Pedrini Marcos, com a leitura de denuncia e laudo da perícia necroscópica.

Foi exibido um vídeo no plenário, do depoimento do irmão da vítima, que relatou as brigas e ameaças da mãe à vitima, e dos relatos sobre os abusos praticados pelo padrasto.

O delegado Titular de Brasilândia, Thiago Passos, que esteve à frente das investigações, destacou a frieza da autora, no dia do ocorrido.

A ré, presa no Estabelecimento Penal Feminino Carlos Alberto Jonas Giordano de Corumbá, participou do julgamento por videoconferência. Questionada pelo juiz Rodrigo Pedrini Marcos se queria falar sobre o caso: respondeu que sim, mas iria responder apenas o que se lembrava. “Vou contar as partes que me recordo”, disse.

Segundo ela, no dia do crime, havia “bebido muito e usado muita cocaína”. “Eu me recordo descendo do carro junto de Gabrielly, atravessado a cerca e passado o fio no pescoço dela. Ela acabou desfalecendo e caindo no buraco fundo por acidente, achei que estava morta. Questionada se o filho a ajudou, disse que no momento em que enterrava a menina, o adolescente saiu correndo, chorando. “Comecei a gritá-lo para me ajudar. Joguei pedaço de terra no buraco”.

Em seu depoimento, detalhou o desespero de seu filho, chorando ao ver sua irmã com um fio de solda enrolado ao pescoço. A réu falou da confiança que tinha no padrasto de seus 5 filhos, que deixava frequentemente, ele sozinho com as crianças.

“Mãe, eu te amo” – Durante todo o depoimento, a cabeleireira não demonstrou arrependimento, apenas chorou quando o promotor leu uma carta, apreendida pela polícia à época, na qual Gabrielly havia escrito pedindo desculpa por uma bagunça que tinha feito na companhia de um dos irmãos.

Na carta, escrita à mão, com desenhos de coração com olhinhos e sorrisinhos, segundo o promotor, a criança escreveu: “Mãe eu te amo. Mãe, obrigada por você existir. Você é a pessoa mais linda, inteligente e a mãe mais legal de toda a minha vida e do mundo inteiro. Eu te amo do fundo do meu coração. Mãe, a senhora é a pessoa mais querida da minha vida. A senhora fala, fala, fala, mas eu não dou ouvidos pra você. Eu vou tentar te obedecer. Eu nunca vou te esquecer. Você tenha muitos anos pra viver”. 

 

Emileide Magalhães

Após um intervalo de uma hora, o Promotor de Justiça, Dr. Luciano Anechini, mostrou a indignação, detalhando os momentos bárbaros e principais da morte da criança. Pedindo a condenação máxima permitida na legislação brasileira.

Na missão de defender a ré, o Defensor Público, Dr. Danilo Augusto Formágio, defendeu a imparcialidade do julgamento, e que os jurados, sejam justos e julguem pela consciência, e não pelo clamor social.

Após a votação do júri popular, Emileide Magalhães, foi condenada há  39 anos, 8 meses e 4 dias de prisão em regime fechado, por homicídio quadruplamente qualificado, ocultação de cadáver, falsa comunicação de crime e corrupção de menor.

Além de pagamento de multa, foi pedido à Promotoria da Infância de Brasilândia, a retirada da guardas das 4 crianças.

André Piauí

Na condenação de André Luiz “Piauí”, inicialmente a pena teria sido de 13 anos, mas foi aumentada após o Ministério Público Estadual recorrer pedindo aumento da pena e o Superior Tribunal de Justiça aceitar, estabelecendo então pena superior a 20 anos.

Mesmo preso e com laudo da perícia apontando as severas lacerações nos órgãos genitais de Gabrielly, sofrida pelos estupros praticados por André Piauí, Emileide Magalhães continua a manter relacionamento com o marido. O casal continua ‘trocando carta de amor’ segundo o Ministério Público.  

A Comarca de Três Lagoas, é a primeira do Brasil a transmitir julgamentos pelo Youtube Juris em Três Lagoas, reforçando a importância da universalização da justiça, destacou Dr. Rodrigo Pedrini.

 

Veja o julgamento completo abaixo.

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana