Três Lagoas-MS

  Últimas
Sidrolândia: pavimentação da MS-258 entra em fase de conclusão
Investimentos superiores a R$ 73 milhões do Governo do Estado levam desenvolvimento a Brasilândia
Conectando Vidas: projeto chega a MS com a missão de facilitar contato entre pacientes covid e familiares
Técnico de enfermagem e agente de viagem estão entre as 1,4 mil vagas de emprego disponíveis na Funtrab
Semana começa com aviso do Inmet para chuvas intensas em Mato Grosso do Sul
Serviço de Telessaúde tem mais sete médicos credenciados para reforçar atendimento
Com mais de 131 mil análises ‘padrão ouro’, Lacen foi ferramenta essencial no enfrentamento à Covid-19
Copa do Brasil: São Paulo vence nos pênaltis e está nas quartas
Sitiante de Arapuá morre e três ficam feridos em acidente na estrada vicinal de Garcias
Nos acréscimos, Flamengo empata com Internacional no Beira-Rio
Brasileiro: Coritiba anuncia saída do técnico Jorginho
Polícia Militar Ambiental de Anastácio autua quatro pessoas por transporte ilegal de pescado e apreende pescado e veículo
Série B: Em Recife, Cruzeiro apenas empata com Náutico
Brasileiro Feminino: Corinthians vence Grêmio em Porto Alegre
Fluminense vence Santos e assume quarta posição do Brasileiro
PRF apreende cerca de 1,5 tonelada de agrotóxicos em Rio Brilhante (MS)
Brasil fecha Grand Slam de Judô de Budapeste com mais 2 bronzes
Polícia Militar Ambiental de Miranda socorre filhote de cervo-do-pantanal ferido à margem de rodovia depois de atropelamento
Após derrota para Real, Barça confirma lesão de Philippe Coutinho
Em Três Lagoas| PM apreende exemplares de jornais com difamações contra candidatos
Ronaldinho Gaúcho testa positivo para coronavírus
Liga Nacional de Futsal: Joinville e Foz Cataratas empatam no sul
Polícia Militar Ambiental autua em R$ 10 mil mulher de 32 anos detida pela PRF por tráfico de filhotes de papagaios
Morre aos 67 anos Benedito Faustino Filho, produtor do Assentamento 20 de Março
Lewis Hamilton se torna maior vencedor da Fórmula 1
Com novos testes positivos, casos de Covid-19 continuam crescendo em todo o MS
Os corpos da família Baravelli são velados no Memorial Vid Prev de Dracena
PRF apreende 908,9 Kg de maconha em Guia Lopes da Laguna (MS)
Polícia Militar Ambiental de Mundo Novo localiza e autua um pescador e autuará outro que divulgaram vídeo e fotos nas redes sociais praticando pesca predatória
Acidente na BR 262 tira a vida da família Baravelli
Next
Prev

Mato Grosso do Sul

Mulheres são a maioria do eleitorado e número de candidaturas femininas aumenta em 2020

Publicado


Uma primeira prévia do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informa que houve aumento no registro de candidaturas de mulheres e de negros na disputa às prefeituras e câmaras municipais. Em análise às estatísticas publicadas pelo site na segunda-feira (28), a informação é de que dos 546.036 pedidos computados, cerca de 180 mil são mulheres – o que corresponde a cerca de 33%. Esses dados preliminares do TSE mostram um aumento nas candidaturas femininas, haja vista que esse índice não havia passado de 32% nas eleições anteriores.

Em Mato Grosso do Sul, o levantamento aponta 8.523 pedidos de registro de candidatura, dos quais 2.907 são de mulheres. Em Campo Grande, são 273 candidatas, sendo 2 para prefeita, 9 para vice-prefeita e as demais concorrem às 29 cadeiras da Câmara Municipal. Outras 31 mulheres concorrem ao cargo de prefeita em 28 municípios do interior.

A subsecretária de Estado de Políticas para Mulheres, Luciana Azambuja, destaca que o interesse das mulheres pelas questões políticas tem aumentado ao longo dos últimos anos, o que se comprova pelo aumento das candidaturas, mas ainda é baixa a representação nos parlamentos municipais, citando como exemplo a Câmara Municipal de Campo Grande: “Aqui na capital, um município com população aproximada de 900 mil pessoas e 51,5% de mulheres, temos apenas duas vereadoras – o que representa uma ocupação inferior a 7%. Precisamos de mais mulheres nesses espaços de poder e temos a oportunidade de fazer essa mudança nas próximas eleições, garantindo a efetiva democracia representativa”.

Sobre as candidaturas no panorama estadual, a subsecretária informa que, de acordo com levantamento preliminar do TSE, aproximadamente 34% das candidaturas registradas em Mato Grosso do Sul são de mulheres: “Estamos vendo um percentual de candidaturas superior àquele determinado na chamada “quota de gênero” imposta pela lei federal nº 9.504/97, mas precisamos trabalhar e fiscalizar para que essas candidatas estejam verdadeiramente imbuídas do senso cidadão de concorrer em condições de elegibilidade, que não sirvam apenas para cumprirem a quota. Nós, mulheres, somos 52,5% do eleitorado brasileiro, o que demonstra a importância do reconhecimento e valorização da nossa participação na política, pois somos a maioria e, repito, podemos fazer a diferença numa eleição”.

Buscando medidas para incentivar a participação da mulher na política, a subsecretária de Estado de Políticas Públicas para Mulheres (SPPM/MS) tem realizado seminários e workshops gratuitos e com transmissão pelo facebook, permitindo o acesso livre a todas as pessoas interessadas. No mês de julho o seminário “Transformando a Política: Mulheres no Poder” reuniu em dois dias de atividades, especialistas e representantes da Escola Judiciária Eleitoral do TRE, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, do Ministério Público Estadual, da Procuradoria-Geral do Estado, além da ex-senadora Marisa Serrano, da senadora Simone Tebet e das deputadas federais Bia Cavassa e Rose Modesto, que contribuíram com suas experiências vividas no dia-a-dia.

Em setembro uma rodada de três workshops encerra a proposta de discutir temas como a participação da mulher na política – desafios e superação, fakenews em eleições e uso inteligente das redes sociais e, nesta quarta-feira (30), falaremos sobre a importância de termos mais mulheres na política e sobre o papel da vereadora: atribuições e competências, contando com a participação da advogada Ana Arminda Garcia dos Santos e da secretária nacional de Políticas para Mulheres, Cristiane Britto, que assim se manifesta sobre o tema: “O Brasil precisa superar o cenário de sub-representação das mulheres na política, pois alcançar esse patamar implica aumentar a qualidade da democracia representativa, levando a política brasileira a um nível de harmonia entre representantes e representados condizente com a grandeza do eleitorado feminino. Quando as mulheres, além de serem esposas, mães e profissionais, conseguem conquistar mandatos políticos e cargos públicos, têm, aliadas às políticas públicas aplicadas em várias vertentes, maior chance de atuar para dirimir obstáculos que contribuem para afastar outras mulheres da política e da vida pública”.

A secretária Cristiane Britto lembra que recentemente a Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres lançou a cartilha “Mais Mulheres na Política”, com o objetivo de engajar as mulheres na disputa e subsidiá-las com informações para suas candidaturas. Para leitura da cartilha, acesse aqui

 

SERVIÇO

III Workshop Mais Mulheres na Política 
Dia: 30 de setembro
Horário: 9h às 11h
Local: Facebook @SubsMulheres

O workshop é aberto a todas as pessoas interessadas.  

Jaqueline Hahn Tente, Subsecretaria Especial de Cidadania (Secid)

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook

Mato Grosso do Sul

Sidrolândia: pavimentação da MS-258 entra em fase de conclusão

Publicado

por


Município recebe obras de saneamento e infraestrutura e investimentos privados

A pavimentação dos 27,81 quilômetros da rodovia MS-258, entre a MS-060 e o distrito Capão Seco, está em fase de conclusão. Em um valor superior a R$ 25 milhões, a obra é uma das várias do Governo de Mato Grosso do Sul que beneficiam a população de Sidrolândia – a 72 quilômetros de Campo Grande.

Pavimentação da MS-258, importante obra para a região de Capão Seco

Somente em saneamento, desde 2015 foram mais de R$ 43,3 milhões investidos nos sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, entre obras concluídas, em execução e a executar.

Somente em saneamento, investimentos superam R$ 43,3 milhões em Sidrolândia (foto: Edemir Rodrigues)

Na área de infraestrutura são 16 obras, muitas delas concluídas, como a pavimentação e drenagem no bairro Morada da Serra e no Jardim Pindorama; o controle de erosão no acesso ao distrito Quebra Coco; o recapeamento de diversas ruas como Pernambuco, Rua da Aviação, Targino de Souza Barboza, Sergipe, Romano Rossato, Rio Grande do Norte/Bandeirantes, Espírito do Santo Diogo F. Estefanelo; e a implantação e pavimentação do acesso ao núcleo industrial na rodovia MS-162. 

Concluído em abril de 2019, o acesso ao núcleo vai ao encontro da política de incentivos fiscais visando a geração de empregos e renda. No dia 16 de setembro, a Cooperalfa confirmou a instalação de uma unidade produtora de leitões em Sidrolândia, com geração de 100 empregos diretos e investimento direto da cooperativa de R$ 100 milhões, além de R$ 160 milhões de futuros parceiros produtores. Referência nacional na fabricação de equipamentos agrícolas como tratores, plantadeiras e máquinas de colheita, a Fendt também está se instalando no município. A unidade deve entrar em operação até o fim do ano. 

Outro destaque em Sidrolândia é o investimento público em moradias, sendo que 227 já foram entregues, incluindo as 51 do programa Lote Urbanizado, e 38 casas estão em construção no Assentamento Nazareth e devem ser entregues em março de 2021.

Na Educação, mais de R$ 1,2 milhão foi aplicado em reformas e melhorias das estruturas das escolas em Sidrolândia, sem contar a entrega de kits de material escolar e uniformes. E na área da segurança pública foram investidos mais de R$ 3,617 milhões, com a compra e entrega de 11 viaturas, munição, materiais e equipamentos, além da construção da sede do Corpo de Bombeiros.

Vários bairros de Sidrolândia, como o Pindorama, foram ou estão sendo atendidos com obras do Governo do Estado

O governador Reinaldo Azambuja explicou que os investimentos são resultados de um trabalho que envolveu medidas duras e até impopulares. “Fizemos um governo responsável, diminuímos o tamanho da máquina pública, reduzimos os gastos com o próprio governo para investir no bem-estar da população, fizemos as reformas e enfrentamos crises sem deixar de honrar nossos compromissos. Isso nos permitiu manter os investimentos nas áreas prioritárias e lançar o Governo Presente, que até o fim de 2022 vai injetar mais R$ 4,2 bilhões nos 79 municípios de Mato Grosso do Sul”, disse.

Paulo Fernandes, Subcom

Fotos: Saul Schramm

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso do Sul

Investimentos superiores a R$ 73 milhões do Governo do Estado levam desenvolvimento a Brasilândia

Publicado

por


O município de Brasilândia recebeu do Governo do Estado recursos superiores a R$ 73 milhões de 2015 a setembro deste ano, para investimentos em saúde, infraestrutura, habitação, segurança, educação, entre outros.

MS-395 foi restaurada e pavimentada, melhorando a segurança para quem transita pela rodovia

Situado na região Bolsão, o município tem sua economia fortalecida pelo agronegócio e pelas atividades florestais. Para escoamento da produção, a qualidade das rodovias se faz de total importância para o desenvolvimento local. Diante disso, até o momento mais de R$ 52,4 milhões foram aplicados na restauração e na pavimentação asfáltica da rodovia MS-395. Mais de 1,3 quilômetros da rodovia MS-040, que faz acesso ao aeroporto municipal, também receberam pavimentação.

O Governo do Estado também fez serviços de pavimentação asfáltica e de drenagem nas seguintes ruas: Rua José Francisco, Rua Projetada, Rua Projetada 7, Rua Projetada 8, Rua Ranulpho Marques Leal, Avenida Brasil, Rua Jacyra Pedroso De Moraes Hoffig e Rua Dos Associados.

Moradora feliz com rua asfaltada e sinalizada

Já na área da saúde, o Governo do Estado enviou R$ 5,6 milhões, sendo que deste total R$ 1,06 milhão foram destinados de janeiro a setembro deste ano.

Os recursos foram destinados, por meio de convênios, para custeio de serviços em diversas áreas, como Farmácia Básica, Saúde da Família, Rede de Atenção Psicossocial, Vigilância Sanitária.

Na educação, seja em alimentação, transporte, uniformes, a Secretaria Estadual de Educação investiu mais de R$ 2,1 milhões.

Habitação

O sonho da casa própria virou realidade para dezenas de famílias no município, com 39 moradias entregues pela Agehab (Agência de Habitação Popular) e 31 lotes urbanizados. Os investimentos totais de R$ 2,3 milhões, tiveram R$ 491 mil de contrapartida do Governo do Estado.

Ana Brito, Subcom 

Fotos: Edemir Rodrigues

 

 

Fonte: Governo MS

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana