TRÊS LAGOAS MS
  Últimas
Rede social é utilizada para estudar “Clube do Manoel” na EE Arlindo de Sampaio Jorge
Presídio de Amambai amplia sistema de câmeras e garante reforço na segurança 24 horas por dia
Com recursos do Governo do Estado e União, 300 famílias recebem nesta quinta-feira apartamentos do Residencial Jardim Canguru
MS é o 4º estado que mais gera emprego formal no Brasil em 2022, revela Caged
MS recebe visita do presidente do Conselho Nacional dos Secretários de Educação, nesta quinta-feira
Quinta-feira tem previsão de tempo firme, com mínima de 13°C e máxima de 31°C no Estado
Mesmo com reservas, Santos arranca empate com Deportivo Táchira
Série B: Vasco cai diante do Novorizontino
Em ação rápida, Polícia Militar salva adolescente que ameaçava se jogar de torre de telefonia em Anaurilândia.
Em noite de festa e emoção, ALEMS presta homenagem à comunidade italiana
Ceará arranca vitória sobre o Strongest na altitude de La Paz
Rony marca dois e Palmeiras derrota Cerro Porteño na Libertadores
Corinthians anuncia contratação por empréstimo de Yuri Alberto
Coluna – Marina Dias e o sonho paralímpico da paraescalada
Polícia Militar Ambiental de São Gabriel do Oeste captura serpente em ferro velho e a solta em seu Habitat
Governo do Estado assina contrato para espaço múltiplo uso no Parque dos Poderes; veja como vai ficar
Edital regulamenta cadastro de artistas no Festival Sarau Cidadania e Cultura no Parque
Três Lagoas celebra 14 anos de vidas salvas pelo SAMU
Em solenidade do Dia dos Bombeiros, corporação reconhece papel histórico da ALEMS
Governo do Estado firma parceria com setor industrial para fortalecer a qualificação profissional
Começa a Copa dos Campeões de futsal e basquetebol em Coxim
Djokovic supera Kokkinakis e avança para terceira rodada em Wimbledon
Carga de contrabando e descaminho é apreendido pela Polícia Militar Rodoviária, na MS 164, em Maracaju
PMA, Colônia de Pescadores e voluntários realizam limpeza do rio Aquidauana e retiram uma tonelada de resíduos na 11ª edição do projeto Rio Vivo
Polícia Militar descobre plantação de maconha em residência e prende autor em Batayporã
Em Mundo Novo, Policia Militar recupera veículo furtado em menos de 24 horas
Programa Fortalece TL prorroga prazo para renegociação de dívidas
Polícia Militar Rodoviária apreende carga de contrabando e descaminho, na MS 162, em Dourados
Em Naviraí, Força Tática recupera veículo furtado e prende homem por receptação
DOE divulga abertura de processo seletivo na área da saúde e convocações da Sedhast, Sejusp e Funsau
Next
Prev

Sem categoria

Menina que foi estuprada por colegas em escola, diz se sentir um “lixo”

Publicado

“Por que você fez isso? Não sabe o lixo que estou me sentindo.” O jornal O Estado de S. Paulo teve acesso a uma conversa de Facebook entre a estudante de 12 anos, que diz ter sido estuprada por três adolescentes, e um dos adolescentes suspeitos de ter participado do ataque, dentro do banheiro de uma escola estadual, no Jardim Miriam, na zona sul de São Paulo, no dia 12 de maio.

Na troca de mensagens e em depoimento à Polícia Civil na terça-feira, 19, o garoto negou participação. No entanto, um outro jovem que disse ter participado afirmou que o estudante ajudou a segurar a menina enquanto ela era atacada.

“Oi, eu sou o moleque que você está acusando. Gostaria de saber só a verdade porque estou muito triste de saber que você está me acusando. Você tem certeza de que fui eu? Na hora em que aconteceu isso eu estava na diretoria e tenho provas”, disse o jovem, em mensagem enviada às 20h31 de segunda-feira, 18, seis dias após a menina ter sido estuprada dentro de uma cabine do banheiro masculino da Escola Estadual Leonor Quadros.

Às 23h26, a vítima responde: “Você tem a cara de pau de falar isso para mim? Não fala comigo, não”. No dia seguinte, o adolescente envia uma nova mensagem às 11h27. “Não, sem maldade. Você está me acusando e eu não estava.” A estudante rebate, dizendo que ele estava dentro do banheiro.

Na mensagem seguinte da adolescente, ela diz que está se sentindo um “lixo”. “Vocês acabaram comigo. Infelizmente, eu nunca mais vou esquecer isso. Não minta para você mesmo.”

O adolescente manda uma última mensagem para a garota. “Tá bom, eu vou fazer os exames e mostrar que não estava. O moleque que te pegou mandou o áudio falando quem estava e, se você estiver mentindo, é pior. Então, por favor fala a verdade porque, se tivesse sido eu, não tinha te ajudado a subir e o diretor sabe que eu estava lá em cima. Então, por favor, fala a verdade. Eu não tenho raiva de você.” A mesma versão foi mantida pelo adolescente em depoimento.

Justiça

Cerca de 24 horas depois de o processo ter sido entregue na Vara da Infância e da Juventude, a Justiça ainda não pediu a internação dos adolescentes em uma unidade da Fundação Casa. Até o fim da tarde desta quarta-feira, 20, o Ministério Público do Estado não tinha recebido o documento. “Eu acho que essa demora está havendo por causa da omissão da escola, que, se tivesse prestado as medidas cabíveis no momento, esses jovens já estariam internados em flagrante. Deu tempo até de um dos jovens fugir com a família”, afirmou Yasmin Vasques Chehade, que representa a estudante no caso.

A Secretaria de Estado da Educação apura, internamente, a conduta da escola no dia em que a estudante foi atacada.

Entenda o caso

Uma menina de 12 anos diz ter sido estuprada dentro de um dos banheiros da Escola Estadual Leonor Quadros, no Jardim Miriam, na zona sul da capital paulista. O caso aconteceu, segundo a polícia, durante a manhã do dia 12.

Segundo a Secretaria Estadual de Educação, a menina, que é aluna da escola, foi atacada durante as aulas por outros três estudantes menores. Após o fato, ela buscou ajuda na secretaria, onde chegou com “falta de ar”, de acordo com a pasta.

A direção da escola informou que, como o quadro de saúde da aluna estava se agravando, decidiu chamar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que a levou ao Hospital Municipal Doutor Arthur Ribeiro de Saboya. De lá, ela foi enviada ao Hospital Pérola Byington.

A Secretaria de Educação explicou que ela relatou o estupro apenas quando já estava no hospital, e a mãe da menina foi orientada a registrar um boletim de ocorrência na polícia. A garota passou por exames para comprovar a violência sexual. Os resultados são aguardados pela polícia.

A escola afirmou ter acionado a Vara da Infância e da Juventude, além do Conselho Tutelar, logo após ficar sabendo do crime. A instituição também chamou os pais dos alunos suspeitos da agressão. Seguindo orientações do Conselho Tutelar, a direção escolar registrou um novo boletim de ocorrência. A direção afirmou que está prestando “todo apoio” à jovem e a sua família e diz ter se colocado à disposição da polícia para colaborar com as investigações. “É importante destacar que a adolescente está recebendo acompanhamento médico”, ressaltou a pasta.

Estadão

Comentários Facebook

Sem categoria

Em seu gabinete, Eduardo Rocha recebe representantes da Abrasel e Sindicato Rural de Três Lagoas

Publicado

Com o intuito de ouvir as reivindicações do setor, e mais uma vez, se colocar à disposição para ajudar no que estiver ao seu alcance, o deputado estadual Eduardo Rocha recebeu sem eu gabinete, representantes da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) e Sindicato Rural de Três Lagoas.

O parlamentar se reuniu com Marcos Júnior, presidente da Abrasel Costa Leste/MS e Zecão, diretor do Sindicato Rural do município citado. Ambos são representantes da aliança de entidades de Três Lagoas, que é a junção da Abrasel, ACITL, APETL, Integra Costa Leste, AJE e Sindicato Rural de Três Lagoas, todas em Mato Grosso do Sul.

Demandas, como atenção às obras estruturantes do município e região, mantendo o crescimento econômico e geração de empregos, e o desenvolvimento do turismo regional, foram alguns dos quesitos citados, para que o deputado possa intermediar junto ao governo do Estado.

Eduardo Rocha, primeiro vice-presidente da ALEMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul), ouviu e debateu todos os assuntos levantados na conversa, e se comprometeu em dar encaminhamento aos pedidos, e assim levando até os órgãos competentes para ver a possibilidade de atender e levar ainda mais melhorias para Três Lagoas.

Comentários Facebook
Continue lendo

Emprego

Casa do Trabalhador de Três Lagoas oferece 44 vagas nesta segunda (19) de julho, entre elas para Ribas do Rio Pardo

Publicado

A divulgação é feita pela Casa de Trabalhador de Três Lagoas com horário de atendimento é das 07h às 13h na Rua Munir Thomé, nº 86 no Centro de Três Lagoas.

A Casa do Trabalhador de Três Lagoas divulgou ao ArapuáNews, 44 vagas de empregos disponíveis por intermédio da unidade nesta segunda-feira (19) de julho de 2021, no município de Três Lagoas-MS.

Confira

PAINEL DE VAGAS

19/07/2021

 EXPERIÊNCIA
MESES
VAGAS
AJUDANTE DE OBRAS – Experiência na função no mínimo 02 anos desejável conhecimento no sistema Petrobras. 06 02
ATENDENTE DE PADARIA – experiência comprovada em atendimento, que seja comunicativa. Ensino Médio Incompleto 06 02
AUXILIAR DE MECÂNICO DE AUTOS –  Experiência comprovada e CNH B 06 01
CARPINTEIRO – experiência em carteira 06 01
COSTUREIRA INDUSTRIAL – Com prática em maquina industrial. —– 09
ELETRICISTA – experiência na função no mínimo 2 anos desejável conhecimento no sistema Petrobras . eletricista montador experiência na função de no mínimo 2 anos desejável conhecimento no sistema Petrobras. 06 01
EMPREGADO DOMÉSTICO NOS SERVIÇOS GERAIS – Experiência comprovada  como doméstica, limpar a casa, lavar roupa, passar a roupa, cozinhar de segunda a sábado; 06 01
EMPREGADO DOMÉSTICO NOS SERVIÇOS GERAIS – Experiência comprovada  como doméstica, cozinhar bem, lavar, passar e limpar ( tarefas do lar) 06 01
LAVADOR DE VEÍCULOS – Experiência. Não precisa comprovação. Ensino médio completo. Lavagem de máquinas florestais; CNH C. atender o descrito na PO externa PO – 12.07.004; abastecimento do caminhão pipa para lavagem de máquinas e outras atividades afins. 06 01
MOTORISTA CARRETEIRO – ter experiência com prancha,  ter curso de cargas indivisíveis, direção defensiva será um diferencial. 06 01
MOTORISTA DE CAMINHÃO – Curso nr12, vagas para residir em Ribas de Rio Pardo. A empresa oferece alojamento. 06 01
OPERADOR DE ESCAVADEIRA –   Curso nr12, vagas para residir em Ribas de Rio Pardo. A empresa oferece alojamento. 06 05
OPERADOR DE ROLO COMPACTADOR – Curso nr12, vagas para residir em Ribas de Rio Pardo. A empresa oferece alojamento. 06 05
OPERADOR DE TRATOR DE ESTEIRA – Curso nr12, vagas para residir em Ribas de Rio Pardo. A empresa oferece alojamento. 06 05
PEDREIRO – Experiência em carteira 06 01
REPRESENTANTE COMERCIAL – experiência com vendas ,ensino médio completo veiculo próprio ,core(dj) . 06 01
TÉCNICO EM SEGURANÇA NO TRABALHO –  experiência na função no mínimo 02 anos desejável conhecimento no sistema Petrobras. 06 01
VENDEDOR DE COMÉRCIO VAREJISTA – Experiência com vendas e ensino médio incompleto 06 01

TOTAL

——

44

Para concorrer a qualquer vaga, necessário  comparecer  à ”Casa  do  Trabalhador” com  RG, CPF, PIS, Carteira  de  Trabalho, Comprovante de Residência ou ainda baixar o aplicativo “SINE FÁCIL DATAPREV”. 

 Maiores informações, solicitar o auxílio de um segorvidor no balcão de atendimento.

VAGAS*PcD – Pessoa com Deficiência. Necessário apresentar o Laudo Médico para retirar o encaminhamento.  Para concorrer a qualquer vaga, é necessário comparecer à ”Casa do Trabalhador”, com RG, CPF, PIS,    Carteira de Trabalho, Comprovante de Residência ou ainda, baixar o aplicativo “SINE FÁCIL Datprev”.   Maiores informações solicitar o auxílio de um servidor no balcão de atendimento.

CASA DO TRABALHADOR

A Casa do Trabalhador é uma instituição federal que funciona em parceria com os governos estadual e municipal.

Ela segue normas estabelecidas pelo Ministério do Trabalho e Emprego. O órgão não tem poder de contratação, apenas intermedeia vagas.

Para concorrer a qualquer vaga, é necessário comparecer à ”Casa do Trabalhador”.

VAGAS*Pc D – Pessoa com Deficiência. Necessário apresentar o Laudo Médico para retirar o encaminhamento

Unidade fica na rua Munir Thomé, nº 86, na região central de Três Lagoas, que atende das 7h às 13h, Para concorrer a qualquer vaga, é necessário  comparecer à ”Casa do Trabalhador”, com RG, CPF, PIS, Carteira de Trabalho, Comprovante de Residência ou ainda, baixar o aplicativo “SINE FÁCIL Datprev”. Maiores informações solicitar o auxílio de um servidor no atendimento. As vagas de empregos são rotativas, podem ser preenchidas a qualquer momento, sem aviso prévio.  (A Gerência).

Mais informações no fone da Casa do Trabalhador de Três Lagoas: (67)3929-1933 – 3929-1937 – 3929-1938.

Os dados são de inteira responsabilidade da Casa do Trabalhador “CIAT”que envia todos os dias as vagas de emprego.

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana