Três Lagoas-MS

  Últimas
PRF apreende 105 Kg de cocaína em Camapuã (MS)
Em Japorã, Polícia Militar prende autor de violência doméstica
Em Naviraí, Polícia Militar apreende motocicleta adulterada
Em Iguatemi, Polícia Militar prende homem por violência doméstica
Em Naviraí, Polícia Militar apreende quase 61 quilos de maconha
Marcelo Lomba garante empate do Inter contra o São Paulo no Brasileiro
Série B: Paraná cede a empate contra Brasil de Pelotas no fim do jogo
CSA vence Juventude e sai do Z4 da Série B do Campeonato Brasileiro
CBF e clubes mantêm proibição de torcedores em jogos do Brasileirão
Polícia Militar Ambiental de Bela Vista devolve à natureza arara-azul apreendida pela Polícia Militar com dois paraguaios
PMA de Bela Vista é acionada para prender incendiário, usa técnica de contenção e apaga fogo antes que se alastrasse por uma grande área de vegetação
TRT-RJ suspende Palmeiras e Flamengo devido a infectados pela covid-19
Força-tarefa combate incêndio na RPPN Eliezer Batista, um dos maiores na Serra do Amolar
Polícia militar apreende motocicleta adulterada em Rio Verde
Polícia Militar cumpre mandado de internação provisória em Rio Verde
Polícia Militar prende jovem por dirigir embriagado e apreende veículo irregular em Coxim
PRF apreende 228,4 Kg de maconha, 39,2 Kg de skunk e prende 5 pessoas em Rio Brilhante (MS)
Time principal do Fluminense tem cinco jogadores com covid-19
Polícia Militar Ambiental de Batayporã usa imagem de satélite e autua paranaense em R$ 21 mil por desmatamento ilegal de áreas protegidas em sua propriedade no município
Série B: Figueirense e Guarani empatam em 2 a 2, em Florianópolis
Número de casos Covid – 19 continua alto e médias são preocupantes, alerta SES
Bolsonaro continua apresentando ótima evolução clínica
Tem grana! Maioria dos candidatos à prefeitura de Campo Grande é milionária
Candidato a vereador é morto após fazer live criticando obras da prefeitura
Novas regras para prevenção à COVID-19 em Três Lagoas foram publicadas no Diário Oficial dos Municípios desta sexta-feira (25)
Três Lagoas tem 31 novos casos e chega a 653 ativos para COVID-19 neste sábado (26)
Sanesul ativará bombas flutuantes neste domingo em Corumbá para garantir abastecimento de água
Carreta com mais de 3 toneladas de maconha foram apreendidas pelo DOF em Caarapó
Carreta com mais de quarenta mil pacotes de cigarros do Paraguai foi apreendida pelo DOF durante a Operação Hórus
Polícia Militar Ambiental de Cassilândia autua infratora em R$ 11 mil por degradação de área protegida e por exploração ilegal de madeira
Next
Prev

Mundo

Manifestantes fazem novo protesto em Minsk

Publicado

Dezenas de milhares de bielorrussos gritando “Feliz aniversário, seu rato” e levando bandeiras vermelhas e brancas da oposição se reuniram perto da residência do presidente de Belarus, Alexander Lukashenko, neste domingo (30), com os manifestantes pedindo a renúncia do líder do país há 26 anos.

Lukashenko, que completa 66 anos neste domingo (30), tem encontrado dificuldade para conter os protestos e greves que já se arrastam por semanas desde sua vitória na eleição de 9 de agosto, que a oposição alega ter sido fraudada. Ele nega a fraude eleitoral e afirmou que os protestos contra ele têm o apoio do exterior.

O presidente russo, Vladimir Putin, usou o telefonema de aniversário para convidar Lukashenko a visitar Moscou, em um sinal da disposição do Kremlin em apoiar Lukashenko enquanto ele resiste contra a agitação e a ameaça de novas sanções ocidentais.

Os manifestantes chegaram ao centro de Minsk carregando balões, flores e bandeiras, nesta tarde. Belarus teve uma bandeira branca-vermelha-branca por um breve período no início dos anos 1990 e ela se tornou um símbolo dos protestos antigoverno.

Os carros que passavam tocavam suas buzinas em solidariedade. Algumas mulheres se deitaram em protesto em frente a um cordão de homens das forças de segurança.

Os manifestantes então se dirigiram à residência de Lukashenko, guardada por forças de segurança com escudos, canhões de água e camburões. Uma coluna de veículos militares blindados foi vista dirigindo em direção ao centro da cidade, informou a agência de notícias russa Interfax.

A polícia fez detenções esporádicas ao longo do dia, amontoando pessoas nos camburões. Pelo menos 125 pessoas foram detidas, disse à agência de notícias russa RIA, citando o Ministério do Interior. Alguns manifestantes resistiram à prisão no que pareciam ser policiais à paisana, disse uma testemunha.

Por Reuters – Minsk (Bielorrússia)

Comentários Facebook

Mundo

Passa de 70 o número de mortos por explosão gigantesca em Beirute

Publicado

Uma explosão gigantesca em armazéns no porto de Beirute matou mais de 70 pessoas, feriu mais de 2.750 e provocou ondas de choque que estilhaçaram janelas, danificaram edifícios e fizeram estremecer o chão da capital libanesa nesta terça-feira (4).

Smoke rises from the site of an explosion in Beirut
Fumaça no local da explosão de armazém em Beirute- REUTERS/ISSAM ABDALLAH/Direitos reservados

Autoridades disseram que o número de mortos deve crescer, à medida que equipes de emergência escavam os destroços para resgatar pessoas e retirar os corpos. Foi a mais poderosa explosão em anos a atingir Beirute, que já sofre com uma crise econômica e com a pandemia do novo coronavírus.

O ministro do Interior do Líbano afirmou que informações iniciais indicavam que material altamente explosivo, apreendido anos atrás, estava armazenado no porto e havia explodido.

Israel, que já travou diversas guerras contra o Líbano, negou qualquer tipo de envolvimento e ofereceu ajuda.

“O que estamos testemunhando é uma enorme catástrofe”, afirmou o diretor da Cruz Vermelha no Líbano, George Kettani, à rede Mayadeen. “Há vítimas e mortos por toda parte”.

Horas após a explosão, que aconteceu pouco depois das 18h (horário local), um incêndio ainda ardia no distrito portuário, projetando um brilho alaranjado no céu noturno, enquanto helicópteros sobrevoavam e sirenes de ambulância soavam por toda a capital.

Uma fonte da área de segurança disse que vítimas foram levadas para tratamento fora da cidade pois os hospitais de Beirute estavam lotados de feridos. Ambulâncias da Cruz Vermelha do norte e do sul do país e do vale do Beca, no leste, foram chamadas para ajudar.

 Beirute, explosão, zona portuária
Ao menos 70 pessoas morreram com a explosão – REUTERS/Mohamed Azakir/Direitos reservados

A explosão foi tão grande que alguns moradores de Beirute, onde ainda estão vivas as memórias dos bombardeios pesados durante a guerra civil que durou entre 1975 e 1990, pensaram estar passando por um terremoto. Pessoas atordoadas, feridas e chorando andavam pelas ruas procurando parentes.

“Eu prometo que esta catástrofe não passará sem que os culpados sejam responsabilizados”, disse o primeiro-ministro, Hassan Diab, em pronunciamento ao país. “Os responsáveis pagarão o preço”, disse em um discurso televisionado, acrescentando que os detalhes do “perigoso depósito” que explodiu seriam tornados públicos.

O ministro do Interior disse ao canal de televisão Al Jadeed que nitrato de amônio era armazenado no porto desde 2014.

Imagens da explosão compartilhadas por moradores da cidade nas redes sociais mostram uma coluna de fumaça subindo do porto, seguida por uma enorme explosão, provocando uma bola de fogo e uma nuvem branca no céu. Pessoas que filmavam o incidente a partir de edifícios altos a 2 quilômetros do porto foram arremessadas para trás pela onda de choque.

Destruição provocada por explosão em Beirute
Destruição provocada por explosão em Beirute – REUTERS/Mohamed Azakir/Direitos reservados

Não ficou imediatamente claro o que causou o foco de incêndio inicial que provocou a explosão.

O ministro da Saúde do Líbano disse que ao menos 78 pessoas foram mortas e que mais de 2.750 ficaram feridas. A Cruz Vermelha libanesa disse que centenas de pessoas foram levadas a hospitais.

.Uma densa coluna de fumaça é vista em Beirute 04/08./2020 REUTERS/Mohamed Azakir
Uma densa coluna de fumaça é vista em Beirute – REUTERS/Mohamed Azakir/Direitos reservados

O governador do porto de Beirute disse ao canal Sky News que uma equipe de bombeiros que estava combatendo o incêndio inicial havia “desaparecido” após a explosão.

O presidente Michel Aoun convocou uma reunião de emergência do Conselho Supremo de Defesa. O primeiro-ministro pediu um dia de luto na quarta-feira.

O poderoso movimento libanês do Hezbollah disse que todas as forças políticas do país devem superar a “dolorosa catástrofe” depois da explosão.

Destruição provocada por explosão em Beirute
Destruição provocada por explosão em Beirute – REUTERS/Mohamed Azakir/Direitos

Um navio da força-tarefa marítima da ONU no Líbano que estava atracado no porto de Beirute foi danificado, e alguns militares da força de paz ficaram feridos na explosão, disse a Força Interina das Nações Unidas no Líbano (Unifil).

Por Samia Nakhoul, Yara Abi Nader e Laila Bassam – Repórteres da Reuters – Beirute

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mundo

Menino de seis anos que era mantido trancando em armário morreu de fome, diz laudo

Publicado

O laudo da morte do pequeno Deshaun Martinez, de seis anos, comprovou que a criança morreu de fome enquanto estava trancada dentro de um armário. O menino estaria tão magro, que o peso dele seria saudável se tivesse no primeiro ano de vida, segundo o jornal “Daily News”.

O caso aconteceu no Arizona, nos Estados Unidos, em 2 de março. A criança foi encontrada desacordada por policiais que receberam uma denúncia anônima. A suspeita é que os pais deixavam ele e o irmão de 7 anos trancados em um armário das 20h até às 12h do dia seguinte, todos os dias. Essa seria uma espécie de castigo.

Os pais dele, José Archibeque-Martinez, de 23 anos, e Elizabeth Archibeque-Martinez, de 26 anos, além da avó, Ann Marie Martinez, de 50 anos, são acusados ​​de assassinato, sequestro e abuso de crianças. Eles teriam negado o crime e estão detidos sob fiança de US $ 3 milhões.

Comentários Facebook

Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana