TRÊS LAGOAS MS
  Últimas
Flamengo tenta retomar o caminho das vitórias diante do América-MG
Pavimentação da MS-320 integra rota da celulose e realiza sonho de produtores
MS ganha novo HR, a maior fábrica de celulose do mundo e mais investimentos no interior do Estado
Jucems recebe da Sejusp 30 notebooks que vão otimizar atendimento ao cidadão
CRE-11 de Ponta Porã recebe 6ª edição da Teia da Educação 2022
Com adesão de municípios, Programa “Bem Nascer MS” projeta avanços na saúde materno-infantil
Fundtur MS e Sebrae realizam o Seminário de Turismo Responsável em Corumbá
Conheça os detalhes do edital da Nova Ferroeste que vai ligar Maracaju até Paranaguá
Sábado será de sol e leve mudança no clima no interior do Estado
Polícia Militar Rodoviária apreende carga de descaminho, na MS 386, em Aral Moreira
Série B: Vasco derrota Operário e cola no líder Cruzeiro
Presidente homenageia profissionais e representante de organização cristã
Em coletiva, secretário de Segurança diz que polícia vai atuar para evitar mais confrontos em áreas de tensão
Basquete 3×3: seleção feminina se classifica para oitavas do Mundial
Tatiana Weston-Webb alcança semifinais do Rio Pro em Saquarema
Seleção feminina perde para Dinamarca em primeiro amistoso na Europa
AGEMS representa MS na II Maratona Nacional de Defesa dos Direitos dos Usuários de Serviços Públicos
PMA realiza palestras para 414 alunos nas atividades do mês do Meio Ambiente
Governo conclui entrega de 15 mil toneladas de calcário para todas as aldeias indígenas de MS
Polícia Militar Ambiental de Aquidauana, Corumbá e Batayporã realizam palestras para 414 alunos nas atividades do mês do Meio Ambiente
Endemias encerra “Semana de Conscientização” de combate ao aedes aegypti
SMAS alerta que não está com vagas abertas para contratação nos CRAS de Três Lagoas
Polícia Militar prende homem por porte ilegal de arma de fogo em Sidrolândia
PMA de Bonito autua paulista em R$ 160 mil por manter gado degradando área protegida de matas ciliares e realizar intervenções ilegais no rio Anhumas em sua propriedade
Gestores e coordenadores da CRE-5 de Dourados participam da 6ª edição da Teia da Educação 2022 
Liga das Nações: Brasil bate Irã, mesmo com saída de Alan no 1º set
Mais de 9 mil privados de liberdade já foram imunizados contra a Influenza
Com muita alegria e devoção, Banho de São João atrai 30 mil pessoas em Corumbá
Mato Grosso do Sul amplia vacinação contra influenza a partir deste sábado
Polícia Militar Ambiental de Corumbá resgata e leva para atendimento ave com as asas feridas possivelmente depois de atingida por pedras de estilingue
Next
Prev

Arapuá

Gerente da Fíbria, fala sobre colheita de eucaliptos no Distrito de Arapuá

Publicado

O ArapuáMS, conversou com Rafael Azevedo,  gerente de colheita da Fibria.

Que nos explicou como funciona a colheita de eucaliptos no Município de Três Lagoas e principalmente na região do Distrito de Arapuá e Garcias.

A área plantada da Fibria, no estado de Mato Grosso do Sul é de 340 mil hectares de área, aproximadamente 120 mil hectares são  de áreas de preservação, e efetivo plantio de eucalipto são 224 mil hectares. Desses a maior parte fica no município de Três Lagoas, que são 113 mil hectares. Mas temos plantio na região de Brasilândia, Agua Clara.

PROCESSO DA COLHEITA

O processo de colheita das arvores, começa com um dialogo operacional. Antes do processo da colheita, a equipe de sustentabilidade, vai à região, até a comunidade, faz reunião, no caso do Arapuá, eles estivarem lá, conversando com os proprietários dos quatro sitio do Assentamento 20 de Março, explicando todo o processo de colheita ao transporte, o que seria, o que iria acontecer, então, o processo começa com o dialogo operacional.

A COLHEITA E MÁQUINAS

A colheita propriamente dita, naquela região que estamos fazendo, são de  madeira com casca, é um tipo de colheita que envolve três tipos de máquinas:

Feller Buncher: que faz o corte e a derrubada das arvores, tem uma espécie de cabeçote, com garras na frente da máquina, que vai acumulando mais de dez arvores, que ficam deitadas dentro dos talhões, em grupos de pequenas pilhas de dez a vinte arvores.

Após este processo tem outra maquina que chega lá, o Skidder: arrasta as madeiras para a beira das estradas, tem uma garra traçadora, que faz o processamento em toras e empilha.

A partir daí fazem o carregamento em caminhões Tri-trens, na região da Fazenda Arapuá, onde estamos atuando nesse momento. Serão 26 tri-trens, que vão retirar a madeira daquela região.

QUANTOS DIAS E REGIÃO

A colheita começou semana passada e deve terminar na primeira quinzena de Maio de 2015.

Os equipamentos usados para a colheita em Arapuá são 09 no módulos mecanizados, e após  o transporte entra três meses depois, para retirar esta madeira.

Estamos com área de atuação na Fazenda Arapuá (20 de Março), Fazenda São Marcos e Fazenda Santa Maria, na região de Três Lagoas.

MÃO DE OBRA

Um total de 360 pessoas atuando nesta área, entre operadores, administrativos, mecânicos, técnicos, supervisores, toda equipe de apoio para a colheita.

Especificamente neste modulo da região de Arapuá, são 70 pessoas, trabalhando 24 horas, dia e noite, sete dias por semana, no sistema de  revezamento, a colheita e o transporta não param.

SEGURANÇA

As máquinas são de grande porte, pesadas, e a aproximação de pessoas pode gerar algum tipo de acidente, então a gente pede nesse momento da colheita, que às vezes a curiosidade em relação aos maquinários, que são muitos grande, chamam atenção, as pessoas  ficam curiosas e se aproximam das maquinas o que é um risco, além disso  pedimos o apoio da comunidade, para não soltar animais, gado principalmente, que podem causar risco de acidentes.

É importante falar que a Fibria tem numero de referência no Brasil e no mundo em termos de segurança. Nossos resultados da Florestal Sul, que compreende São Paulo e Mato Grosso do Sul, foram sensacionais, nos níveis de taxas de acidentes foram referencias no mundo em termo de operações florestais.

ESTRADAS

Explicando como é nossa formação da floresta, desde o inicio até a manutenção, com a floresta já crescida para o corte, tem a colheita, sou o gerente de colheita, ao entrar para fazer o corte e toda preparação até a beira da estrada, que é para o transporte isso é a logística.

Uma das áreas da logística é as estradas, cuidar das estradas, tanto antes na preparação, quanto durante o processo de colheita e transporte, principalmente é a mais forte no processo de transporte de madeira.

Temos na Fibria, um setor de manutenção de estradas que ficam no local, com pá carregadeira, patrol, sabemos que as estradas não são asfaltadas, são de terras, quando passa carga muito pesada a tendência é estragar, mas para passar os caminhões carregados, as estradas precisam estar em bom estado, muitas vezes após a colheita as estradas com a manutenção constante da equipe, isso, por conta da minha experiência, ficam 90% das vezes, melhores do que estavam antes.

a2

TELEFONE COM A FIBRIA

O que estamos pedindo para a população é o acompanhamento dos serviços, inclusive disponibilizando um telefone para duvidas, sugestão, reclamações, que é o 0800 642 8162.

Lembrando inclusive que nossos caminhões tem uma placa de identificação com o nome da Fibria  na traseira, ou na lateral com o telefone 0800 642 8162, para duvidas, reclamações, sugestões.

Rafael que veio do vale do Paraiba da região de  São Paulo,  onde as máquinas operam em até 35 graus, nos disse: “a melhor região para a colheita é a nossa região de Mato Grosso do Sul, por ser plano, é bem melhor que a região de São Paulo”.

Para finalizar o gerente de colheita Rafael agradeceu a nossa presença e a oportunidade de falar dos trabalhos de  seu maior orgulho a empresa FIBRIA.

Ouça a entrevista com o gerente de colheita Rafael Azevedo.

Veja o vídeo:

Comentários Facebook

Arapuá

Terezinha Trannin completa 93 anos

Publicado

No dia 14 de junho, Terezinha de Jesus Ramos Trannin, completou 93 anos, e no dia 16 os familiares estiveram reunidos no Crau Fest em Três Lagoas-MS para comemorar esta data.

Terezinha logo  cedo já está vestida, perfumada, penteada e cheia de joias.Uma mulher batalhadora, disposta, sempre de salto alto até para varrer a casa e lavar roupas, criou seis filhos (José Alexandre, Sueli,  Carlinhos, Afonso, Roberto e Jocilea)  praticamente sozinha, já que Altair seu marido, trabalhava dia e noite, na Cervejaria Londrina no Paraná, onde moravam.

Em 1.960, foram convidados para vir ao então Mato Grosso para desbravar uma Fazenda de 30.000 alqueires, que era a Fazenda Arapuá S/A (FASA) de Fausto Tavares o mesmo patrão que construiu a Cervejaria Londrina.

Ao chegarem na Fazenda Arapuá, continuou trabalhando até altas horas cuidando da casa, dos filhos, do patrão. A Fazenda era ponto de pouso para boiada, e cuidava da alimentação inclusive dos peões, mas nem assim desceu dos saltos, literalmente, até hoje anda de salto alto.

Altair Cabral Trannin, foi Prefeito de Três Lagoas e vereador por quatro mandatos, Presidente do Centro Rural de Arapuá, diversas vezes, Juiz de Paz e fundou o Distrito de Arapuá e participou ativamente da vida política, sempre ao seu lado incentivando-o.

Sobre Terezinha

Nascida em 14 de junho de 1929 no município de Santa Helena, no estado do Maranhão, Terezinha de Jesus Ramos Trannin é filha de José de Ribamar Perdigão e Jacira Rodrigues da Cunha Perdigão. Veio para o Rio de Janeiro, onde na mocidade conheceu Altair Cabral Trannin, com quem se casou em 16 de julho de 1949, na Castália, Rio de Janeiro e tiveram seis filhos: José Alexandre, Sueli, Carlos Alberto, Afonso, Roberto Luís e Jocilea.

No ano de 1960 vieram para Arapuá, onde fixaram moradia e iniciaram com muita luta, o distrito de Arapuá.  Ao lado do inseparável esposo Trannin, foi a companheira de todas as horas na busca pelo desenvolvimento do local. Foi professora na Escola Dom Hermes de Alcântara, onde hoje funciona a Escola Municipal Rural e CEI, e muitos alunos passaram por suas mãos de mestre, educadora e orientadora.

Num período de muitas dificuldades, onde o Arapuá era apenas um povoado, o casal lutou para trazer o progresso para o distrito. Através de seus esforços chegaram aqui à escola, a energia elétrica, o centro rural, local de diversão com os bailes de sábados à noite e os carnavais brincados em família, do cinema dos finais de semana, do posto de saúde e tantas outras benfeitorias.

Comentários Facebook
Continue lendo

Arapuá

Em Arapuá| Motorista embriagado colide em cerca e é preso pela Polícia Militar

Publicado

A Guarnição da Polícia Militar do 3º GPM do Distrito de Arapuá foi acionada às 20h30min da sexta-feira (17) de junho, até a Rua José Alexandre, área urbana desse distrito.

Conforme denunciante, anônimo, um veículo que estaria em alta velocidade teria perdido o controle na via e colidido frontalmente com uma cerca e que o condutor estaria dentro do veículo tentando retirar o mesmo do local.

Fora constatado pela PM, que um GM Celta estava colidido contra uma cerca e o condutor visivelmente em estado de embriaguez.  Após abordagem policial o condutor, de tão embriagado, teve dificuldades para descer do veículo, quase não se aguentando em pé.

Na abordagem fora verificado que o mesmo portava junto ao seu corpo uma faca de lâmina de 20 cm, sendo retirada e aplicado o uso de algemas. O motorista estava com forte odor etílico, fala enrolada, olhos avermelhados, andar vacilante, sinais típicos de embriaguez ao volante.

A Equipe de Trânsito do 2º Batalhão realizou o Teste do bafômetro no autor, sendo aferido teor alcoólico de 1,20 mg/l, configurando Crime de Trânsito pelo artigo 306 do CTB, sendo dada voz de prisão.

Que o condutor fora apresentado no DEPAC ficando à disposição do Delegado de Plantão.

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana