TRÊS LAGOAS-MS
  Últimas
EaD/UEMS abre inscrições para seleção tutores e professores
Prorrogadas inscrições para a segunda edição do Prêmio Inova
Previsão do Tempo: Temperaturas devem cair e as mínimas podem chegar a 2º no sudoeste
Rayssa Leal, a Fadinha, fatura prata no skate street em Tóquio 2020
Polícia Militar Ambiental de Dourados fiscaliza 25 embarcações, 80 pescadores e apreende petrechos ilegais de pesca no rio Brilhante
Governador repassa recursos para habitação de Campo Grande nesta segunda-feira
Julho termina com intensa massa de ar polar; saiba quais serão os dias mais frios em Mato Grosso do Sul
Última semana para pagar licenciamento de veículos placas 5 e 6
Funtrab oferta 1.356 vagas de emprego em todo Estado
51 anos de casados “Bodas de Bronze” de Cleodete Araújo e Orvino Tiago
Polícia Militar e Vigilância Sanitária intensificaram fiscalização durante a noite e a madrugada em Coxim
PM apreende arma de fogo e prende autor  
PM apreende mercadorias de descaminho
Série D: Ferroviária bate Boa Esporte em São Paulo e lidera grupo 6
PRF apreende 178,8 Kg de maconha em Campo Grande (MS)
Skate e judô conquistam primeiras medalhas para o Brasil em Tóquio
Tóquio: oitavas do surfe começam neste domingo com quatro brasileiros
Caminhão que seguia para Dourados com mais de seis toneladas de maconha foi apreendido pelo DOF durante a Operação Hórus
Tóquio: Gustavo Tsuboi avança à terceira rodada do tênis de mesa
Wanderson de Oliveira avança às oitavas de final do boxe em Tóquio
LNF: Campo Mourão goleia Brasília e assume liderança do Grupo C
PRF apreende maconha e recupera caminhonete em Campo Grande (MS)
BOLETIM COVID-19 – Três Lagoas registra 58 novos casos neste domingo (25)
Polícia Militar prende mãe de 40 anos e apreende filha de 15 anos por Tráfico de Drogas em Rio Negro.
Polícia Militar prende homem de 28 anos por Tráfico de Drogas em São Gabriel do Oeste
Rebeca Andrade dá show em Tóquio e se classifica para três finais
Olimpíada: Brasil chega a uma final e em duas semifinais na natação
No vôlei feminino, Brasil vence Coreia do Sul na estreia olímpica
Daniel Cargnin fatura primeiro bronze do judô brasileiro na Olimpíada
Olimpíada: Brasil empata com Costa do Marfim no futebol masculino
Next
Prev

Eldorado

Eldorado Brasil anuncia 40 vagas e processo seletivo em Castilho-SP

Publicado

A empresa busca profissionais com disponibilidade para atuar na operação florestal em Água Clara/MS.

A Eldorado Brasil anuncia 40 vagas de trabalho para sua operação florestal em Água Clara/MS e promove processo seletivo voltado aos profissionais de Castilho/SP, com disponibilidade para mudança de cidade ou trabalhar alojado. As posições ofertadas são para líder e ajudante florestal, motorista e operador de trator – todas com início imediato. Nesta sexta-feira (2), haverá seletiva presencial no Posto de Atendimento ao Trabalhador, em Castilho.

Para participar, basta se cadastrar no site www.eldoradobrasil.com.br, clicando em ‘Trabalhe Conosco’. Também é possível enviar o currículo por email para: ext.[email protected] ou entregar no PAT de Castilho, localizado no prédio do Centro de Eventos Culturais, na Rua José Luciano Pereira. Após avaliação do currículo, a equipe de Recrutamento e Seleção entrará em contato com o candidato(a) para iniciar o processo.

Os aprovados seguirão para entrevista com o líder operacional, última fase antes da contratação. As oportunidades estão abertas a todos os profissionais, sem distinção de raça, cor, gênero. Entre os benefícios oferecidos estão assistência médica e odontológica, vale refeição/alimentação e prêmio de produção. Em 2021, a Eldorado Brasil já contratou mais de 1.000 pessoas em Mato Grosso do Sul e segue rigorosos protocolos sanitários em todo o processo seletivo, com foco na segurança dos candidatos e funcionários.

Confira abaixo, os pré-requisitos para cada uma das vagas:

Líder de Operações Florestais: experiência em gestão de equipes, conhecimento em operação florestal, ensino médio completo e CNH B.

Ajudante Florestal: ensino fundamental incompleto e vivência de campo.

Operador Trator: ensino fundamental incompleto, CNH B.

Motorista: Pipa, Carga Seca e Munk. Requisitos: CNH D, ensino fundamental completo e experiência na função.

Comentários Facebook

Eldorado

Eldorado Brasil divulga Relatório de Sustentabilidade 2020

Publicado

Edição do documento destaca ações de combate à pandemia e números inéditos de produção e venda de celulose.

A edição mais recente do relatório anual de sustentabilidade da Eldorado Brasil Celulose está disponível para leitura no site da companhia, o www.eldoradobrasil.com.br. O documento, divulgado esta semana, destaca os desafios enfrentados pela empresa em 2020 diante da pandemia da Covid19, o recorde de produção de celulose em Três Lagoas (MS) e o apoio social da empresa no enfrentamento dos problemas causados ou intensificados pela pandemia. Além disso, os indicadores da norma Global Reporting Initiative (GRI) e o Sustainability Accounting Standards Board (SASB), os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS) e respectivas metas estão conectados ao dez Princípios Universais do Pacto Global.

Ao longo do ano, a Eldorado Brasil produziu 1,770 milhão de toneladas de celulose, com o trabalho de 4,6 mil colaboradores – todos seguindo rigorosos protocolos de saúde e segurança para continuar a executar suas atividades. No âmbito social, foram investidos mais de R$13 milhões em equipamentos de proteção individual, testes de detecção da Covid19, doação de alimentos e incentivo à produção de máscaras com artesãos locais, como parte do programa de responsabilidade social.

“Este relatório demonstra porque mantivemos, no ano passado, nossa posição de referência, tanto no setor de celulose, quanto no conjunto da economia brasileira, como uma empresa que concilia inovação, eficiência e sustentabilidade, responsabilidade social e governança”, explica o presidente da companhia, Carmine de Siervi Neto.

Além de manter o ritmo de produção, em 2020 a Eldorado concluiu as obras da sua primeira usina termelétrica, que utiliza tecnologia inédita no Brasil para energia limpa utilizando tocos e raízes de eucalipto. Construída com recursos próprios, a UTE Onça Pintada fornece energia verde ao sistema elétrico nacional – são 50MW de capacidade, suficientes para abastecer uma cidade com 700 mil pessoas.

Toda a matéria-prima utilizada na fabricação de celulose e geração de energia elétrica provém dos mais de 200 mil hectares de florestas plantadas certificadas em Mato Grosso do Sul. Outros 100 mil hectares correspondem às áreas de conservação ambiental, mantidas pela Eldorado Brasil. Juntas, essas florestas ocupam uma área equivalente a mais de 300 mil campos de futebol.

Em Três Lagoas/MS, a fábrica de celulose Eldorado Brasil opera com capacidade anual de produção superior a 1,7 milhão de toneladas e, atualmente, sua força de trabalho soma mais de 5,2 mil colaboradores, divididos entre operações florestais, industriais, de transporte e portuárias.

Leia o relatório completo no site da empresa, disponível no link:

https://eldoradobrasil.com.br/img/eldorado-brasil-relatorio-sustentabilidade-2020.pdf

Comentários Facebook
Continue lendo

Eldorado

Três-lagoenses encontram na celulose a oportunidade de crescer

Publicado

Colaboradores da Eldorado Brasil compartilham histórias de sucesso na Capital da Celulose

Em 15 de junho de 2010, quando Três Lagoas celebrava 95 anos de emancipação, a Eldorado Brasil lançava a pedra fundamental da fábrica que começava a construir na cidade. De lá pra cá, são quase 14 milhões de toneladas de celulose produzidas, mais de 200 mil hectares de florestas plantadas e mais de cinco mil colaboradores. A maioria dessas pessoas vive em Três Lagoas e cresceu junto com a empresa nestes 11 anos, contribuindo para que a cidade se tornasse a Capital Nacional da Celulose.

É o caso da Marijane Oliveira, que encontrou na silvicultura a oportunidade de realizar sonhos. “Entrei na Eldorado em 2015 e já tive a felicidade de ser promovida quatro vezes. Comecei como assistente administrativa, cursei faculdade e hoje atuo na estratégia de custos e resultados, tudo dentro da silvicultura. Esse reconhecimento fez toda a diferença na minha história”, relata Marijane, hoje com 30 anos de idade.

Marijane construiu sua carreia em Três Lagoas na silvicultura

Desde o início da produção da celulose, em novembro de 2012, a Eldorado Brasil ajudou pessoas da região a iniciarem a carreira profissional. Vitor Franzin, por exemplo, sonhava em trabalhar na indústria. Em dezembro de 2015, ingressou como monitor florestal, enquanto estudava automação industrial no Senai. Há um ano, tornou-se operador industrial, cumprindo seu objetivo. “Aqui todos usam o mesmo uniforme, almoçam juntos, têm liberdade para falar. Para mim, isso é valorizar as pessoas”, diz Vitor.

Para o diretor de Recursos Humanos, Sustentabilidade e Comunicação Interna, Elcio Trajano Jr, uma cidade cresce quando oferece condições para seus moradores prosperarem. “Valorização das Pessoas é um dos nossos direcionadores. Por isso, quando uma vaga é aberta, buscamos gente apaixonada pelo que faz e que goste de superar desafios. Recrutamos com base nos Valores e Competências para desempenhar as atividades e procuramos atrair pessoas chaves, olhando primeiramente o público interno. Esse desenvolvimento interno engaja o colaborador e nos faz produzir mais e melhor”, avalia o diretor.

Trajano cita o exemplo da primeira usina termelétrica da companhia. Para o projeto da UTE Onça Pintada, foram priorizados os profissionais já contratados, oferecendo oportunidades de promoção e desenvolvimento de novas habilidades.

Muitos começaram na função de aprendiz, como Leandro Cordeiro, que trabalha na empresa desde 2013. “Comecei muito jovem na Eldorado. Depois, entrei na faculdade e consegui, dentro da empresa, um estágio na minha área. Desde 2019, atuo no setor de Remuneração e Benefícios, área que escolhi para fazer carreira”, conta. Hoje com 25 anos, o marido da Juliana e pai da Isabella, três-lagoense que acaba de completar seis meses de vida.

Leandro cresceu na Eldorado, casou há um ano e agora é pai da Isabella

Em 2020, a Eldorado Brasil contratou 1.061 funcionários, a maioria suas operações em Mato Grosso do Sul. Nos cinco primeiros meses deste ano, outras 500 pessoas ingressaram no time, incluindo uma centena de motoristas, operadores florestais e profissionais de manutenção.  A empresa também gera empregos indiretos na região: dos 420 fornecedores cadastrados, mais de 300 são empresas três-lagoenses – números que retratam o avanço da Eldorado Brasil nesse período, junto com Três de Lagoas que completa 106 anos de história e desenvolvimento.

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana