Três Lagoas-MS

  Últimas
MS é o 1º lugar no ranking nacional de transparência sobre coronavírus
Dia dos pais: Servidor estadual tem descontos de 3% a 30% no comércio de Campo Grande
Polícia Militar Ambiental de Miranda recolhe onça-pintada de 70 kg atropelada a 2 km da cidade, segunda este ano
Meia-atacante brasileiro Willian pode trocar Chelsea por Arsenal
Detran-MS suspende atendimento do Fácil Aero Rancho por sete dias por caso de Covid-19
Polícia Militar apreende um revólver, 78 munições e quase nove mil reais, em espécie, durante abordagem veicular em Caracol
Combate à violência contra mulher é tema do programa Vida Saudável da Rádio ALEMS
SES inaugura hospital de campanha e ativa mais 10 leitos de UTI-Covid no Regional de Ponta Porã
Bazé chama atenção para casos de Covid e pleiteia pavimentação
Agosto Lilás: ALEMS apoia campanha e aprova projetos para defesa da mulher
Policiais Militares recuperam veículo de luxo furtado no Estado de São Paulo
PRF prende passageira de ônibus com 2 Kg de cocaína em Rio Brilhante (MS)
PRF apreende 105,25 Kg de maconha e skunk em Ponta Porã (MS)
Polícia Militar Ambiental de Costa Rica autua laticínio em R$ 6,3 mil por lançamentos de efluentes no solo sem tratamento
Operação Hórus – Polícia Militar apreende mercadoria descaminhada
Zona Azul ficará inoperante até 12h de hoje devido furto na empresa Central Park
Liga dos Campeões da Europa retorna com jeito de Copa do Mundo
Procuradoria-Geral do Estado participa de live da OAB/MS
Simpósio de educação patrimonial aborda os bens arquitetônicos de MS
Curso aborda aspectos fisiológicos aplicados à criança e ao adolescente na prática esportiva
Projetos selecionados da Sejusp recebem recursos da Justiça Federal
Agesul anuncia reconstrução emergencial de ponte queimada na MS-228
Protetores faciais garantem mais proteção a servidores do semiaberto de Três Lagoas
Com investimento de R$ 25 milhões, duplicação da MS-156 começa nas próximas semanas
Programa UEMS Acolhe oferece novo curso on-line para migrantes internacionais
Meteorologia prevê bastante sol para o fim de semana de dia dos pais
Drive thru da Capital dobra capacidade e faz 258 testes diários de Covid a partir desta sexta-feira
Água Clara chega a 37 positivos com Coronavírus
Morte de duas pessoas bastante conhecidas em Água Clara
Polícia Militar age rápido e recupera motocicleta furtada poucas horas depois em Coxim
Next
Prev

Saúde

China alerta para nova pneumonia mais mortal que a covid-19

Publicado

Um novo surto de doença respiratória, potencialmente mais letal que a covid-19, pode estar  começando na Ásia.

A embaixada chinesa no Cazaquistão alertou ontem seus cidadãos no país sobre uma nova “pneumonia desconhecida”.

Segundo a China, no primeiro semestre deste ano 1.772 pessoas morreram da doença este ano, 628 delas apenas em junho. Cerca de 100.000 pessoas já teriam sido contaminadas.

“Essa taxa de mortalidade da doença é muito maior que a da covid-19 e as autoridades do Cazaquistão estão conduzindo um estudo comparativo do vírus sobre o qual ainda não há definição”, afirmou a embaixada chinesa, segundo o jornal South China Morning Post.

O ministro da Saúde do Cazaquistão respondeu nesta sexta-feira, pelo Facebook. Alexei Tsoi afirmou que a informação divulgada pela China é “incorreta”.

Segundo ele, a conta oficial inclui todos os tipos de pneumonias já conhecidas, incluindo as causadas por vírus e bactérias.

Ele não especificou quantos dos casos tratados como pneumonia podem na verdade ser de covid-19, nem entrou em detalhes sobre se há ou não uma nova doença em circulação no país.

A Organização Mundial da Saúde afirmou ao diário chinês que tem conhecimento apenas da circulação da covid-19 no Cazaquistão, e que a doença causada pelo novo coronavírus pode explicar o aumento nos casos de pneumonia no país.

Segundo a CNN, a capital do país, Nursultan, mais que dobrou os casos de pneumonia em relação a junho de 2020. A China afirmou que pretende trabalhar junto com o país no combate ao surto.

O Cazaquistão tem oficialmente 50.000 casos de covid-19, e recentemente adotou medidas mais rigorosas de distanciamento social após um avanço no contágio — a quinta-feira foi o dia com mais novos casos, 1.962.

Romper a cortina de fumaça em torno do Cazaquistão não deve ser fácil. O país é um dos mais fechados do mundo. A capital foi rebatizada com o atual nome ano passado, em homenagem a Nursultan Nazabayev, que deixou o cargo um dia antes após governar o país desde o fim da União Soviética, 30 anos atrás.

Ele ainda é presidente do Conselho de Segurança e chefe do partido que domina o parlamento, o que lhe garante poder total sobre o país da Ásia Central. O Cazaquistão tem 17 milhões de habitantes e faz fronteira, entre outros, com a China e a Rússia (onde o atual presidente, Vladimir Putin, acabou de passar uma lei que lhe permite ficar no poder por mais duas décadas).

Por Exame.com

Comentários Facebook

Saúde

Vacina Russa para a Covid-19 passa em testes e tem lançamento previsto para agosto

Publicado

Nesta segunda-feira, 13 de julho, foi anunciado pelos cientistas da Rússia que eles esperam que a primeira vacina contra o novo coronavírus seja distribuída no mês que vem. A informação foi dada após a conclusão dos ensaios clínicos com voluntários.

“A pesquisa foi concluída e provou que a vacina é segura”, disse Yelena Smolyarchuk, chefe do centro de pesquisa clínica da Universidade Sechenov, à agência de notícias russa TASS.

Está previsto que seja registrado a “circulação civil” entre os dias 12 e 14 de agosto. Já o início da produção em massa é aguardado até setembro por parte de empresas privadas.

Os testes com a vacina foram iniciados em junho e envolveram dois grupo. Os voluntários formaram uma resposta imune após injeções e não desenvolveram nenhuma reação atípica. Alguns apresentaram dores de cabeça e temperatura corporal elevada, mas esses sintomas desapareceram depois de 24 horas.

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Novo coronavírus já estava no esgoto de Barcelona um ano antes da pandemia

Publicado

Estudo feito pela universidade local detectou o vírus em 12 de março de 2019

Apesar de o epicentro da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) ter sido Wuhan, na China, no final do ano passado, um estudo divulgado pela Universidade de Barcelona, na Espanha, nesta sexta-feira (26) afirma que o vírus foi encontrado no esgoto local em 12 de março de 2019. Essas amostras residuais foram descobertas quase que exatamente um ano antes de ser declarada pandemia pela Organização Mundial de Saúde, fato ocorrido em 11 de março de 2020.

De acordo com a nota emitida pela Universidade, os cientistas observaram amostras obtidas de diuas estações de tratamento de esgoto da Catalunha devido ao fato de ser possível haver grandes quantidades de genoma de coronavírus nas fezes.

“Os níveis do genoma do SARS-CoV-2 coincidiram claramente com a evolução dos casos de Covid-19 na população”, explicou o coordenador do trabalho, Albert Bosch, conforme informações da agência “EFE”.

A descoberta faz os cientistas especularem que muitas pessoas já infectadas pelo coronavírus à época, tenham sido diagnosticadas como portadoras de um vírus comum da gripe.

“Identificar a propagação do SArS-CoV-2 com um mês de antecedência teria permitido uma resposta melhor à pandemia”, declarou Bosch.

A Espanha foi um dos países mais atingidos pela pandemia, com 28.330 mortes e 247.486 casos registrados até aqui. Atualmente, o país vive uma fase de recuperação econômica, com reabertura gradual.

De acordo com o Ministério da Saúde local, nessa quinta-feira (25), foram reportados somente mais três óbitos e 157 novos casos de Covid-19.

Fonte: O Tempo

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

BRASILÂNDIA

POLICIAL

Mais Lidas da Semana