TRÊS LAGOAS MS
  Últimas
O maior parque aquático do país abre suas portas em Andradina/SP
Homem é flagrado tentando atear fogo em quiosques em Três Lagoas
Avião carregado com 500 Kg de pasta base de cocaína é abatido no Interior Paulista
Velocista Melânia Luz ingressa no Hall da Fama do COB
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande captura jiboia de mais de 1 metro em residência
Rayssa Leal e Pâmela Rosa encerram Pro Tour fora do pódio
Duda Sampaio e Natascha defenderão Brasil na Copa América Feminina
Vasco e Sport empatam em Maracanã lotado
Diante do Atlético-GO, São Paulo volta a vencer no Brasileiro
Polícia Militar realiza formatura do Proerd Kids no Município de Anaurilândia.
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande captura tamanduá-bandeira passeando pelas ruas do bairro Caiobá
Brasileiros perdem nas duplas e país está fora de Wimbledon
Série B: Ponte Preta e Tombense ficam no 0 a 0 em Campinas
Cuiabá derrota o Avaí em Florianópolis e deixa o Z4
PMA do Grupamento de Águas do Miranda fiscaliza 14 embarcações e 57 pescadores, orientam turistas e apreendem petrechos ilegais de pesca
PMA e UCDB entregam amanhã (4) às 14h00 para o Biobarque Pantanal, onça-pintada, arara e filhote de anta taxidermizados para uso em Educação Ambiental
Polícia Militar 9°CIPM/CPA1 impede Estelionato contra idosa em Dourados
Polícia Militar de Caarapó da 9ªCIPM/CPA-1 recupera produtos de furto e prende autor
Em dois meses, 27 países fincaram suas bandeiras no Bioparque Pantanal
Primeiro pagamento por serviços ambientais motiva setores produtivos de Bonito e Jardim
Rayssa Leal e Pâmela Rosa disputam final do Pro Tour de skate street
Em um Maracanã lotado, Vasco recebe o Sport pela Série B
Palestra e oficina interativa no MIS buscam discutir o saber-fazer Guarani e Kaiowá
Reeducandos do Centro Penal da Gameleira trabalham na reforma da Unei Dom Bosco
Domingo segue com previsão de tempo estável, com máxima de até 35°C no Estado
Com assinatura de convênios, produtores já podem receber 1ª parcela do PSA de Jardim e Bonito
Big Data: Fundtur MS e Sistema Comércio criam plataforma de inteligência turística
Dourados: projetos da Coronel Ponciano e do terminal de passageiros avançam
Athletico-PR bate Palmeiras fora de casa e assume vice-liderança
Gabriel decide e Flamengo derrota Santos na Vila Belmiro
Next
Prev

Água Clara

Ação Social no Distrito São Domingos foi realizada com 24 consultas e 72 vacinas aplicadas

Publicado

A Prefeitura Municipal de Água Clara, através da Secretaria de Saúde, realizou no último sábado (11), uma Ação Social no Distrito São Domingos. Foram realizadas 24 consultas médicas e aplicadas 72 doses de vacina.

Além disso foram realizados 9 atendimentos odontológicos, e 1 teste de COVID-19 que teve resultado negativo.

A Secretaria de Saúde ainda disponibilizou na Ação, uma farmácia básica para atender a população do Distrito.

A prefeita Gerolina Alves ressaltou a importância da Ação e seu compromisso com a saúde no Distrito São Domingos.

“Nós temos um compromisso com a saúde, e essa Ação no Distrito São Domingos mostra isso. Levamos atendimento onde é necessário, é mais saúde e mais qualidade no atendimento da população”, afirmou a prefeita.

Atendimento odontológico realizado durante a Ação

Comentários Facebook

Água Clara

Secretaria de Meio Ambiente doa óleo usado para pessoas que fazem sabão em Água Clara

Publicado

A Prefeitura de Água Clara, através da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo, doa óleo de cozinha usado para pessoas que produzem sabão.

A doação é realizada a partir do programa  “Eco Óleo”, que é um local para recolher esse óleo usado da população, o ponto de descarte e também para retirada do óleo usado é na Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo, localizada na Avenida Benevenuto Ottoni, nº16, com atendimento das 7h às 13h.

A iniciativa visa o descarte correto de óleo de cozinha “usado”; evitando assim a contaminação do solo e rios do município.

Todo óleo recebido é entregue para artesãos de Água Clara. Para recebe-lo é necessário realizar o cadastro, que é feito de forma gratuita.

Para se cadastrar basta comparecer à Secretaria de Meio Ambiente com RG e comprovante de residência.

Comentários Facebook
Continue lendo

Água Clara

Polícia Civil de Água Clara prende professor de música suspeito de abusar sexualmente de aluna de 9 anos

Publicado

Nesta segunda-feira (27) de junho por volta das 16 horas, a Polícia Civil, no âmbito da operação “Acalento”, deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido contra um professor de música suspeito de abusar de uma aluna de 9 anos de idade. A captura foi feita por uma equipe da Delegacia de Polícia Civil de Água Clara.

De acordo com o apurado, na última quinta-feira, 23/06, o Conselho Tutelar levou à Delegacia de Polícia uma mãe que narrou o suposto abuso sofrido pela filha na escola de música. A mãe disse que foi buscar sua filha na escola e a encontrou trancada no banheiro com o professor.

Imediatamente, ela questionou porque ambos estariam no banheiro, oportunidade na qual ele disse que estava fazendo a limpeza do local. A genitora questionou sua filha se algo teria ocorrido, contudo, num primeiro momento negou.

Ocorre que na data acima, a vítima, de forma espontânea, disse que foi abusada sexualmente pelo professor e narrou os detalhes. Ela foi encaminhada para a realização de exame sexológico, sendo constatada, pelo médico perito, a ruptura do hímen.

Em razão de tais fatos, a Polícia Civil representou pela prisão preventiva do suspeito, que, após parecer favorável do Ministério Público, foi decretada pelo Poder Judiciário.

As investigações seguem com o indiciado preso e o inquérito policial tem o prazo de dez dias para ser concluído.

Acalento

A operação “Acalento” teve início no dia 13/06 e segue até o dia 13/07/2002.

A ação é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), por meio da Secretaria de Operações Integradas (Seopi), em parceria com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), com o objetivo de combater crimes de violência contra crianças e adolescentes nos 26 estados e no Distrito Federal.

A primeira etapa da operação aconteceu em julho do ano passado. Na ocasião, 76 pessoas foram presas em flagrante no Mato Grosso do Sul. Houve também o cumprimento de 60 mandados de prisão e a solicitação de 31 medidas protetivas.

Comentários Facebook
Continue lendo

TRÊS LAGOAS

CÂMARA DE TRÊS LAGOAS

Assembléia Legislativa MS

Mato Grosso do Sul

POLICIAL

Mais Lidas da Semana